Notícias

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 09/12/2016

30 alunos de escolas municipais beneficiados com óculos de grau

9122016095604Trinta alunos da Rede Municipal de Ensino foram contemplados com óculos de grau nesta quinta-feira, 8. A iniciativa é do Projeto Ver e Viver, da empresa Belgo Bekaert Arames em parceria com a Secretaria Municipal de Educação. A entrega foi realizada no auditório do Centro Industrial do Subaé – CIS, e contou com apresentação do Projeto Acordes, também promovido pela empresa.

 

O Projeto Ver e Viver beneficia anualmente estudantes da Rede Municipal. Este ano, foram contemplados alunos das escolas municipais Professora Maria Helena Queiroz, do bairro Tomba, Fada Madrinha, do Parque Panorama, e Nossa Senhora das Candeias, do distrito de Humildes.

 

Não apenas as crianças ganharam novos óculos, mas também os alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da Escola Municipal Nossa Senhora das Candeias que também foram beneficiados. “Temos alunos da EJA na faixa etária entre 45 e 65 anos e muitos deles enfrentam dificuldades para enxergar. A melhora da visão vai colaborar bastante para o aprendizado. Fizemos questão que a EJA tivesse visibilidade nesta ação”, relatou a coordenadora pedagógica da escola, Érika Joely Casaes.

 

“Acreditamos que projetos como este colaborem para o desenvolvimento social da cidade”, afirmou o gerente da Belgo Bekaert, Roberto Tavares. “Temos a certeza de um futuro melhor a partir do incentivo à educação das nossas crianças, elas são o mais importante”, declarou.

 

Elaine Pereira dos Santos, mãe da aluna Maria Eduarda dos Santos Santana – 3º ano na Escola Municipal Fada Madrinha – sentiu-se maravilhada. “Minha filha apresentava dificuldade para ler, porém exames, médicos, os próprios óculos em si, são bastante caros. Senti-me surpreendida e fiquei extremamente feliz”, conta.

 

Os alunos das escolas municipais Ana Brandoa e Valdemira Alves Brito, ambas do bairro Tomba, apresentaram o resultado do trabalho desenvolvido no Projeto Acordes. Mais de 100 estudantes participam da iniciativa, que oferece aulas de flauta doce e violino para crianças da Rede Municipal de Ensino e filhos dos funcionários da Belgo Bekaert desde 2014.

 

“A música é muito importante para o desenvolvimento destes alunos. Ficamos muito felizes quando as crianças da Rede têm a oportunidade de participar de atividades como estas. Pensando nisso, a Secretaria de Educação promove o Programa Música na Escola, que beneficia mais de 4.500 estudantes. Sabemos o quanto isso é relevante”, declarou Luscilla Carvalho Lima, chefe da Divisão de Planejamento e Técnicas Pedagógicas da Seduc.