Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 18/04/2017

Alguns objetos dão legalidade aos demônios dentro de casa, alerta ex-ocultista

Um ex-blogueiro da Nova Era que se converteu ao cristianismo está advertindo as pessoas a não manterem objetos ligados ao ocultismo como livros, enfeites, retratos, fotos ou imagens.

 

Embora objetos como o “filtro dos sonhos” ou jogos de cartas pareçam inofensivos, Christian Steven Bancarz afirma que tais peças podem “dar autoridade aos demônios em sua casa”. Em um novo vídeo postado no YouTube, Bancarz diz que esses objetos “são carregados com uma frequência espiritual que coincide com a ilusão que os poderes do diabo estão tentando criar no reino espiritual”.

 

“As pessoas que se apegam a essas coisas estão criando uma ponte entre essas realidades sobrenaturais, governadas por principados demoníacos e nossa vida, nossa casa, nossa alma”, diz Bancarz, citado pelo site Charisma News.

 

De acordo com o ex-escritor de Nova Era, esses itens podem causar estragos na vida das pessoas. “Livros que deveriam ser jogados fora, são aqueles sobre o hinduísmo, as artes esotéricas, o gnosticismo, o transcendentalismo, a feitiçaria, a magia, o misticismo, o yoga ou qualquer material que defenda a reencarnação, entre outros”.

 

Inofensivo?

 

Bancarz também exorta as pessoas a jogar fora livros de ficção que possam ter esses elementos, como as obras de Harry Potter, por exemplo. Em um post do Facebook no início deste mês, Bancarz disse que “objetos ocultos e ídolos podem fazer com que você seja espiritualmente oprimido, dando aos demônios autoridade em sua vida”.

 

“Sua alma pode ficar presa e carregada de uma energia oriunda desses objetos que se conectam no mundo espiritual, já que tanto a Bíblia quanto outras tradições espirituais acreditam que esses objetos podem ter laços com poderes malignos”, ressaltou.

 

“Esta é a razão pela qual a Bíblia equipara a adoração de ídolos com a adoração a demônios, como está escrito em Apocalipse 9 e Deuteronômio 32”, ele disse. Desde sua conversão ao cristianismo, Bancarz está na missão de expor as estratégias demoníacas através da espiritualidade obscura.

 

Entrevistado pelo site The Christian Post, ele lembrou como as forças ocultistas aprisionaram sua alma quando estava na escola. Isso o levou a construir um site (agora extinto) chamado Espírito Ciência e Metafísica, que rendeu a ele uma grande quantia em dinheiro só com publicidades.

 

Dois anos depois, em abril de 2016, ele encontrou Jesus, que o libertou das armadilhas do demônio e, desde então, está dirigindo um novo site dedicado a explicar a fé cristã.

 
GUIAME