Esportes

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 17/08/2015

Aos 39 anos, Popó vence argentino Veron por nocaute em retorno ao boxe

RTEmagicC_e812e78e10.jpgPelo menos nessa semana o boxe baiano dos anos 90 está mais vivo. Depois de Reginaldo Holyfield subir aos ringues para encarar o pernambucano Luciano Todo Duro, foi a vez de Acelino Popó Freitas marcar seu retorno. O ‘Mão de Pedra’ mostrou o motivo do apelido e venceu o argentino Mateo ‘El Chino’ Veron, de 26 anos, por nocaute no terceiro round. A luta foi realizada na noite deste sábado (15), na Arena Santos, na de cidade Santos, em São Paulo.

 

Tetracampeão do Mundo, Popó largou a aposentadoria pela segunda vez aos 39 anos e promete voltar de vez ao boxe. Além do duelo contra Veron ele já tem mais dois confrontos agendados, um em outubro, que será realizado em Belém, e outro em Santos, no mês de dezembro. O objetivo de Popó é voltar a disputar o cinturão mundial em 2016.

 

A luta começou quente. Se mostrando bem fisicamente, Popó iniciou o combate explorando bem a esquiva e ainda no primeiro round mostrou o motivo do apelido de ‘mão de pedra’. O baiano acertou um golpe de direita que levou o argentino à lona. Porém Mateo se recuperou e conseguiu voltar para a luta.

 

Depois de um segundo round mais equilibrado, Popó voltou a acertar outro forte golpe no argentino que conseguiu levantar outra vez. Na sequência não teve jeito. Veron foi acertado por outro golpe de direita de Popó e foi à nocaute. Do melhor jeito Popó, Acelino Freitas está de volta ao boxe.

 

Correio