Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 11/04/2016

Após cumprir sentença de 30 anos, homem que se converteu na prisão é ordenado pastor

danny-duchene-rick-warren

Um homem que passou mais de 30 anos na prisão, condenado a duas penas de prisão perpétua aos 19 anos de idade por um duplo homicídio, se converteu ao Evangelho ainda na detenção e agora, livre, foi ordenado ao ministério pastoral.

 

A vida de Danny Duchene representa uma reviravolta que apenas a fé pode protagonizar. Durante o tempo em que estava designado a cumprir sua sentença, ele foi estimulado a ler um livro que se tornou um clássico da literatura cristã contemporânea, e isso foi essencial para sua mudança de vida.

 

“Na prisão, eu li o best-seller do pastor Rick, ‘Uma Vida com Propósitos’, e escrevi para ele. A prisão logo começou a se movimentar com grupos de células para estudar o livro. Os presos foram batizados dentro do campus da prisão. [A igreja] Saddleback comemorou o programa de recuperação que começou na prisão, e deu uma oportunidade aos prisioneiros de ter seu apoio agora fazer a coisa certa pela primeira vez em suas vidas”, afirmou Duchene.

 

De acordo com informações do Christian Today, o então novo-convertido não havia conseguido assimilar completamente a misericórdia do Evangelho e o amor divino: “No início, esta Boa Nova rondava sobre a minha cabeça. Parecia inacreditável e muito bom para ser verdade que Deus me amava e que Ele queria me mostrar misericórdia, depois de tudo o que eu tinha feito para magoar os outros. Enquanto ia crescendo, eu honestamente não sabia como confiar”, relembrou.

 

Assim que deixou a prisão, ele começou a frequentar uma pequena igreja não-denominacional chamada Sierra Christian Center, que fica próxima à prisão onde ele cumpriu parte de sua pena.

 

O pastor Rick Warren e a Saddleback Church têm oferecido apoio à Sierra Christian Center, e Warren tem sido também um advogado para a libertação condicional de Duchene, com base em evidências de sua vida transformada e o incrível sucesso de seu ministério. “Eu confio nele… e nós estamos extremamente gratos”, afirmou o pastor, durante a cerimônia para ordená-lo como líder do ministério Mercy (“misericórdia”, em português) na Saddleback.

 

“Você não pode ser o que Deus quer que você seja em seu próprio país”, disse Duchene, comentando seu novo ministério. “Você precisa de apoio, você precisa de um pequeno grupo. Tenho certeza de que minha vida teria sido muito diferente se eu tivesse a apoio de um pequeno grupo piedoso quando eu era um adolescente”, afirmou, reiterando a importância do evangelismo.

 
Gospel +