Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 19/09/2017

Arrecadação de dízimo sobe 15% na igreja de Silas Malafaia

O primeiro trimestre do ano de 2017 foi de saldo positivo para o pastor Silas Malafaia, líder da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo (Advec). A arrecadação de dízimo na igreja, em comparação ao mesmo período do ano passado, é de crescimento em 15%.

 

O cenário é substancialmente diferente do que era vivido pela igreja de Malafaia durante as crises que envolveram o segundo mandato da ex-presidente Dilma Rousseff e do atual presidente Michel Temer. Somente em 2015, o líder demitiu quase a metade de seus funcionários da editora Central Gospel.

 

Segundo informações divulgadas pela revista Época, o crescimento da arrecadação está diretamente associada a elevação numérica de membros: Foram mais de 5 mil novos integrantes da igreja.

 

A previsão é que, com o aumento da arrecadação, Silas consiga expandir a quantidade de templos de sua igreja para até 20 congregações. Em dezembro do ano passado, foi inaugurada a sede da Advec em São Paulo, maior metrópole do país.

 

Na ocasião, o pastor falou de seus planos. “Meu projeto é abrir mil novas igrejas nos próximos dez anos pelo Brasil. Claro que terei um olhar especial para o Estado de São Paulo, mas quero abrir igreja em tudo quanto é canto, do Amapá ao Rio Grande do Sul, não importa se é lugar de bacana ou não”.

 

Na mesma época, Silas também se defendeu acerca dos valores que recebe em entrevista dada a Veja. “Cada um dá quando pode e quanto quiser”, justificou-se o líder assembleiano.

 

“Eu tenho empresário que me dá R$ 300.000 por mês. Há um ministro do Supremo Tribunal de Justiça que me manda por mês R$ 300,00, R$ 500,00. Outra coisa: 20% das ofertas que recebo não são de evangélicos, mas de pessoas que se identificam com minhas obras sociais e com minha conduta. É muito forte”, acrescentou.

 

GOSPEL PRIME