Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 04/04/2017

Ascensão do paganismo Europeu: Thor volta a ser adorado na Islândia

Nos últimos anos, a Europa tem experimentado uma espécie de “reavivamento” do paganismo. Em vários países, pessoas começaram a se identificar como “pagãos” ao serem questionados sobre sua opção religiosa.

 

Por exemplo, Grécia, Inglaterra e Dinamarca já possuem fortes comunidades pagãs. Grupos on-line e encontros na vida real atraem cada vez mais adeptos, muitos dos quais se intitulam bruxas, magos ou druidas.

 

A Islândia é um dos lugares onde isso está ainda mais visível. Graças ao movimento pagão chamado Associação Asatru, são a religião que mais cresce no país. Pelas estatísticas do governo, os luteranos ainda são maioria no país, com 237.938 fiéis, cerca de 70% da população.

 

Contudo, os adoradores de vários deuses nórdicos, como Odin, Thor e a deusa Freyja cresceram 50% desde 2014, totalizando 3.583 fiéis. Para efeitos de comparação, havia apenas 879 “pagãos” na Islândia em 2005.

 

Para o líder da Associação Asatru, o compositor Hilmar Orn Hilmarsson, o aumento do número de seguidores tem a ver com a divulgação das cerimônias, em especial pela internet. “Mais pessoas estão vendo o que fazemos, e elas gostam disso”, acredita.

 

Hilmarsson também faz sucesso como músico em bandas de rock, como a Sigur Rós. Ele explica que a falta de regras religiosas atrai sobretudo os mais jovens. “Não recrutamos membros, apenas encorajamos as pessoas a participarem caso estejam interessadas. Nossas cerimônias são abertas a todos.”

 

AsatruGrupo pagão Asatru.
A Asatru, além de oferecer culto aos deuses, trabalha com outros grupos para promover direitos civis e conscientização ambiental. Eles estão construindo agora um templo na montanha de Oskjuhlid, localizada perto da capital Reykjavik, onde vivem mais de um terço dos islandeses.

 

Trata-se do primeiro templo pagão erguido no país em mil anos. Ele terá capacidade para 250 pessoas e será usado para realizar casamentos, cerimônias de batismo e funerais.

 

Curiosamente, o terreno foi doado pelo governo local de Reykjavik. O prédio só ficará pronto no começo de 2018, mas já atrai curiosos.

 

Desde o ano 1000 que o cristianismo é a religião oficial da Islândia. O paganismo nórdico era a crença mais comum até então. Durante séculos ele sobreviveu na clandestinidade, sendo praticado por grupos muito pequenos de adeptos.

 

Recentemente a Asatru experimentou um grande crescimento, após propagar uma filosofia que promove a “tolerância” e as “liberdades individuais”. Não possuem um texto sagrado nem um fundador oficial.

 

Trata-se de uma religião politeísta com vários deuses e deusas. Os mais populares são Thor, o deus dos céus e dos trovões, e Freyja, deusa do amor e da fertilidade.

 

GOSPEL PRIME