Notícias

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 12/07/2014

Campanha Nacional de Combate a Hanseníase

1172014103702A Campanha Nacional de Combate a Hanseníase e Geohelmintíase (verminoses) será iniciada na próxima segunda-feira, 14, e segue até o dia 31 de julho. Em Feira de Santana, o foco será os estudantes de escolas públicas municipais e estaduais, na faixa etária de cinco a 14 anos. O objetivo é a busca ativa de pessoas com a doença e o tratamento das verminoses.
Os enfermeiros, que atuam nas Unidades Básicas de Saúde, vão avaliar as crianças que apresentarem manchas, esbranquiçadas ou avermelhadas, pelo corpo. Será distribuído nas escolas o material educativo do Ministério da Saúde contendo folder, cartaz, caça – palavras e as fichas de autoimagem.

 

Os pais deverão indicar nessas fichas – nelas têm o desenho do corpo humano – se há a presença de alguma mancha pelo corpo da criança ou do adolescente e onde ela está localizada. Posteriormente deverão ser devolvidas na escola para que sejam encaminhadas ao profissional de saúde.

 

A hanseníase quando descoberta nessa faixa etária evita-se complicações futuras, como incapacidade física por conta das deformações nas mãos e nos pés e problemas na visão. O aparecimento da doença está associado a presença de manchas em qualquer parte do corpo e a perda da sensibilidade. Já a transmissão acontece através do contato direto com a pessoa que ainda não iniciou o tratamento.

 

Após iniciar o tratamento com a medicação – dura em média de seis meses a um ano – a pessoa com hanseníase não transmite mais a doença para outra. Em 2013 foram detectados em Feira de Santana 106 novos casos. Neste ano, a SMS já registrou 33. O tratamento é disponibilizado no Centro de Saúde Especializado (CSE) Dr. Leone Coelho Leda.

 

Durante a campanha os pais também terão que preencher um termo de recusa caso não concordem que o estudante receba a medicação, que é em dose única, contra as verminoses.

 

Secom