Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 19/10/2017

‘Casamento perfeito’ é uma mentira alimentada pelo diabo, diz autor cristão

Muitos homens e mulheres solteiros que esperam se casar acreditam que, quando conseguirem encontrar e se casar com “a pessoa certa”, ou seja, aquela que eles acreditam que “Deus escolheu para eles” não terão qualquer tipo de problemas em seu casamento, por entenderem que esta união os tornará completos. Mas um autor cristão alertou aos solteiros que este pensamento é mais que uma mera ilusão: é uma mentira alimentada pelo diabo.

 

“Meus queridos amigos solteiros, eu sei que vocês esperam viver um amor [casamento] por toda a vida, pensando que isso lhes completará, fazendo vocês se sentirem felizes e contentes. Mesmo o casamento fazendo parte da nossa felicidade e contentamento, não é ele que vai completar nossas vidas”, alertou o colunista e autor Jay Freeman em um de seus artigos para o site ‘Christian Today’, intitulado “Há uma mentira que o diabo alimenta sobre o casamento”.

 

Para explicar melhor seu ponto de vista sobre o assunto, Freeman destacou que há um “erro histórico” na disseminação do conceito de casamento, alimentado há décadas pelos romances e o famoso “felizes para sempre”.

 

“A história nos diz que quando homens e mulheres se casam, acham a felicidade um no outro, mas os problemas não terminam aí. A verdade é que ouvimos e lemos histórias de famílias quebradas, casais divorciados e cônjuges separados. O que aconteceu com eles? Eles não disseram o ‘eu aceito’ no altar? Eles não passaram por um período de namoro romântico? Eles não prometeram ‘até que a morte nos separe’?”, destacou.

 

“Uma esposa não completa um marido e um marido não completa uma esposa. Há apenas uma pessoa que pode completar você e eu, e esse alguém não é o seu cônjuge, nem a minha esposa, no meu caso. Esse alguém é Deus”, acrescentou.

 

“Completos”

 

Freeman continuou seu alerta ao solteiros, lembrando que a busca pela felicidade plena através do casamento é totalmente em vão.

 

“Amigos, a verdade é que, quando tentamos procurar um cônjuge para viver a vida toda e nos completar, acabaremos incompletos da mesma forma. Todos os seres humanos são imperfeitos, e não há pessoa perfeita, muito menos casamento perfeito, pois ‘todos foram destituídos da glória de Deus’ (Romanos 3:23)”, afirmou.

 

Jay destacou que buscar a felicidade no casamento é como procurar no lugar errado, aquilo que pode preencher o vazio do coração humano.

 

“Quando tentamos compensar nossas deficiências e imperfeições percebidas, procurando por alguém perfeito para nos completar, encontramos apenas a falta de algo imporante. Nós nos encontramos com a pessoa nos casamos com ela, pensando que ele ou ela será o único a satisfazer todas as nossas necessidades, cada anseio, cada esperança não cumprida e todos os sonhos não realizados”, disse.

 

“E quando fazemos isso, acabamos levando mais do que damos. Nós acabamos não amando a pessoa com quem nos casamos; acabamos casando com ela, somente pelo benefício que acreditamos que ela pode nos trazer”, acrescentou.

 

Freeman condenou este tipo de atitude e lembrou que o amor – independente das falhas e frustrações pessoais – é o que deve motivar o casamento.

 

“Amigos, isso não está certo. Nós nos casamos porque amamos aquela pessoa. Nós nos casamos porque queremos nos entregar à pessoa com quem nos casamos. Nos casamos porque queremos cuidar, nutrir e apreciar a própria pessoa em que acreditamos que Deus criou para passar a vida conosco”, destacou.

 

“Simplificando, meus queridos amigos. Não busquem um cônjuge que lhes complete. Procurem um cônjuge que andará com você enquanto, ambos buscam Deus, porque somente Ele pode completar vocês dois”, lembrou.

 

Jay finalizou sua reflexão, reforçando o conceito de que a felicidade plena só pode ser encontrada em Deus e que Ele tem poder para sustentar a união de um casal que se ama.

 

“Deus é a nossa alegria suprema. Deus é aquele que sustenta nossos casamentos. Deus é aquele que nos faz verdadeiramente felizes por mais do que apenas uma vida. Deus nos completa”, destacou o autor, fechando com a passagem bíblica de Salmos 16:2: “Ao Senhor declaro: ‘Tu és o meu Senhor; não tenho bem nenhum além de ti”.

 
FONTE: GUAME, COM INFORMAÇÕES DO CHRISTIAN TODAY