Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 26/03/2016

Crise pode ser juízo de Deus sobre o Brasil, diz Paulo Junior

1Em uma pregação, o pastor Paulo Júnior, da Igreja Aliança do Calvário, explicou a situação política atual do Brasil, falando do desvio de dinheiro da Petrobras e principalmente do plano de poder do Partido dos Trabalhadores.

 
“Uma vez que ele [Lula] é ministro, ele não pode ser julgado pela Polícia Federal, sai da mira do Sérgio Moro e vai ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal. Ou seja, ele não só pode escapar da condenação, como sendo ministro, ele toma das mãos da presidenta o governo do país e passa para o seu terceiro mandato”, explica o pastor.

 
Paulo Júnior afirmou estar chocado com as notícias daquela semana, que seria o início da instalação de uma ditadura, a menos que o Congresso ou a Justiça intervenham.

 
Espiritualmente, o pastor vê que essa situação pode trazer o juízo de Deus para o Brasil. “Essa nação é corrupta, essa nação é imoral, essa nação é idólatra”, disse ele, condenando também as igrejas contemporâneas.

 
“Pode ser que Deus esteja aplicando através dessa quadrilha juízo sobre o Brasil, porque o Brasil não é um país correto, um país honesto. Pode ser que é uma das medidas de Deus aplicar juízo neste país por causa da igreja brasileira que é uma igreja adúltera, corrupta, e não é igreja de Cristo”, afirma.

 
Outra fala do pastor Paulo Júnior que chama atenção na pregação é a comparação de Lula se chamando de jararaca.

 
“Por trás de toda essa onda de corrupção, desses escândalos, essas aberrações e até essa apostasia dentro da igreja que está clamando pelo juízo de Deus, está sim a jararaca. É de fato a jararaca que está no comando, a antiga serpente, o diabo”.

 
Em sua visão, essa é uma guerra espiritual e os cristãos não podem ficar parados, precisam orar e clamar a Deus por essa situação, intercedendo. “Não existe nenhuma outra instituição no mundo que possua essa ferramenta [a oração]”, ensina o pastor.

 

 

 
Gospel Prime