Notícias

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 27/06/2014

De manhã, rádio tem o dobro da audiência da TV aberta

560-2Na era do smartphone, o rádio já era, certo? Erradíssimo. Uma pesquisa inédita mostra que o rádio tem o dobro da audiência da TV aberta das 6h ao meio-dia, na média de todos os dias da semana. Nessa faixa horário, o rádio tem 1,815 milhão de ouvintes por minuto na Grande São Paulo, enquanto a soma de Globo, SBT, Record e até a TV Canção Nova resulta em 886 mil telespectadores por minuto.

 

Os resultados surpreendentes são de uma pesquisa da Ipsos Brasil para a rádio Jovem Pan, a partir de dados do Ibope, obtida com exclusividade pelo Notícias da TV.

 

Na faixa das 12h às 14h, o rádio está ainda mais vivo do que de manhã, mas a TV aberta tem um salto para quase 2 milhões de telespectadores. Só as FMs de São Paulo, nessa faixa, têm 1,604 milhão de ouvintes. À noite, a TV aberta desequilibra. Entre 17h e 19h, Globo e companhia somam 5,6 milhões de telespectadores, cinco vezes a audiência do rádio (1,152 milhão).

 

De acordo com profissionais do rádio, a maior parte da audiência hoje vem do carro e do telefone celular, que substituiu o velho radinho de pilha. Nos transportes coletivos de SP, muita gente anda de fone no ouvido. No congestionado trânsito da cidade, o rádio do carro é um companheiro.

 

No FM, as emissoras mais populares dominam o ranking das mais ouvidas. A Nativa lidera, com 272 mil ouvintes por minuto na média das 6h às 19h. É seguida pela Transcontinental, Band, Top FM e Gazeta. No AM, as de notícia se sobressaem. A liderança é da Rádio Globo, com 114 mil ouvintes por minuto, seguida por Capital, Bandeirantes, Jovem Pan e Record.

 

Com informações do Bastidores do Rádio.