Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 25/11/2016

Deus não criou vida em outros planetas, comprova astrônomo cristão

02

Estamos sozinhos no universo ou existe vida lá fora? De acordo com o astrônomo cristão Dr. Hugh Ross, este tipo de questão consegue ser melhor compreendida com outra pergunta: “Por que estamos aqui?”.

 

Combinando sua experiência em ciência na Universidade de Toronto e teologia em sua atuação de pastor, Ross acredita que a Terra é vista por Deus com singularidade. Além disso, ele observa que o universo deriva da história bíblica da criação, queda e redenção da humanidade.

 

“A história e composição do universo cumprem o propósito de Deus e possibilitam que milhares de milhões de seres humanos ouçam e respondam a oferta de redenção de seus pecados e a uma relação segura e amorosa com Deus”, disse Hugh Ross ao site The Christian Post.

 

Ross observa que as pessoas que alegam que “a vida física consciente” também existe no restante do universo se baseiam em quatro falsos pressupostos:

 

1. A água é o único determinante para estabelecer uma zona habitável em um planeta.

 

2. Cada estrela é candidata a eventualmente se tornar um planeta habitável.

 

3. A origem da vida é um passo naturalisticamente fácil.

 

4. O processo natural da evolução de um organismo unicelular simples, equivalente aos seres humanos, é inevitável, dada a passagem de vários bilhões de anos.

 

O astrônomo afirma que nenhum destes pressupostos são verdadeiros. Isto porque para um planeta ser verdadeiramente habitável, ele deve abrigar simultaneamente elementos como água, radiação ultravioleta, processo fotossintético, ozônio, taxa de rotação, obliquidade, marés, estratosfera e campo elétrico atmosférico.

 

Dos 3.547 planetas descobertos até agora, Ross afirma que apenas um está localizada em todas as nove zonas habitáveis ??conhecidas: a Terra. “Temos muitas motivações para adorar e louvar a Deus por Sua criação”, disse ele.

 
GUIAME