Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 12/06/2017

Edvaldo Lima repercute representação da OAB por LGBTfobia

No uso da tribuna da Casa da Cidadania, na sessão ordinária desta segunda-feira (12), o vereador Edvaldo Lima (PP) agradeceu o apoio do vereador Cadmiel Pereira (PSC), que defendeu o parlamento quando criticou a Ordem dos Advogados do Brasil, que enviou uma representação à Casa da Cidadania pedindo a gravação do vereador porque havia suspeita de LGBTfobia. “Está na Constituição Federal deste país a liberdade de expressão com ética, respeito e responsabilidade. É isso que sempre faço nesta tribuna. Não vou recuar de questionar, de defender os princípios morais e éticos desta nação”, pontuou.

 

Edvaldo disse ainda que não se intimidaria por representações como esta, destacando que já é a terceira vez que o LGBT recorre à OAB para tentar censurá-lo. “Não tenho ódio, raiva ou amargura. Sei que gostaria de ser um pouco de nós porque temos amor e paz, pois a Bíblia nos ensina isso”, completou.

 

O vereador destacou mais que os LGBT’s também recorreram ao Ministério Público do Estado da Bahia em maio do ano passado, mas o pedido de investigação foi arquivado por não haver consistência. “Tenho princípios e continuarei os defendendo nesta cidade. Não abro mão e sei que o contraditório é importante, por isso eles também têm direito de dizer o que querem”, finalizou.

 

Portal Cidade Gospel