Notícias

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 22/08/2017

Empresa se compromete em resolver situação de venda de terreno no Papagaio em 2 meses

Representantes da Urbplan, que assumiu as negociações com os compradores dos terrenos de um loteamento no Alto do Papagaio – próximo do local onde empreendedores teriam anunciado a construção não concretizada de um shopping center, se comprometeram, junto ao Procon de Feira de Santana, em resolver a situação dos clientes que prestaram queixa na instituição em até dois meses.

 

A superintendente do Procon, Suzana Mendes, disse que a promessa da construção do shopping foi frustrada e os lotes não foram individualizados. Quem já quitou o lote ainda não recebeu a devida documentação. “Estamos acompanhando atentamente a situação, porque a oferta não foi confirmada”. Um dos apelos de venda foi a construção do empreendimento naquela região.

 

Aproximadamente 50 pessoas que adquiriram lotes – são cerca de 300 unidades – procuram o Procon, que tomou as devidas providências e encaminhou a denúncia para o Ministério Público Estadual. Os lotes foram vendidos pela Scopel e até o momento as escrituras dos terrenos não foram entregues. “Se o MP entender que houve crime, os responsáveis serão denunciados”.

 

Caso a situação não seja resolvida, disse a superintendente, as empresas deverão apresentar suas defesas e os processos serão encaminhados para a apreciação da Justiça e, caso entenda, decidirá pela aplicação de multa.