Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 18/05/2016

Estado Islâmico lança app para doutrinar crianças

218O site Intel Group, que monitora ações de jihadistas na internet, divulgou na semana passada que o Estado Islâmico lançou um aplicativo para ensinar árebe para crianças com vocabulário da jihad.

 

Entre um dos exemplos mostrados pela diretora do site, Rita Katz, está a letra M ensinado como M de “Madfa’e” que significa “canhão”. Já a lebra B é ensinado com B de “Bundiqiua”, que significa “rifle” em português. Outro ensinamento é a letra S de “Sarokh”, que significa “foguete”.

 

Katz fez a denúncia no Twitter e se mostrou preocupada com essa doutrinação de crianças. “Este aplicativo é outro exemplo da doutrinação jihadista do Estado Islâmico, influenciando os jovens com sua ideologia violenta e radical”, disse.

 

A palavra jihad significa “guerra santa” e os jihadistas recebem esse nome exatamente por promoverem a guerra contra os “inimigos do Islã”.

 

Entre os inimigos estão os muçulmanos xiitas, grupo predominante no Iraque, e os cristãos. Esses últimos, ou se convertem ao Islã e pagam uma taxa religiosa, ou enfrentam a pena de morte.

 
GOSPEL PRIME