Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 13/01/2017

Estudantes da Uefs vão estudar em países da Europa e América Central

unnamed (4)Vinte e cinco estudantes de graduação da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) vão estudar em instituições de ensino superior de outros países já no primeiro semestre de 2017, através de programas de mobilidade acadêmica. Os países escolhidos foram Portugal, Espanha, Áustria e México. Na manhã desta quinta-feira (12) os alunos assinaram o termo de compromisso na Reitoria.

 

Dessa vez 23 estudantes vão receber bolsa estudantil do programa de mobilidade acadêmica institucional e dois irão com recursos próprios. “Um aluno abdicou da bolsa e o outro não obteve classificação na seleção.

 

Mesmo assim ambos vão aproveitar o convênio de cooperação entre as universidades, não vão pagar taxas acadêmicas e vão obter status de aluno em mobilidade, que inclui o reconhecimento de crédito das disciplinas no retorno”, afirmou Soane Campos, assessora técnica da Assessoria Especial de Relações Institucionais (Aeri) da Uefs.

 

Os alunos em mobilidade são dos cursos de Administração, Agronomia, Biologia, Direito, Economia, Educação Física, Enfermagem, Geografia, História e Letras com Espanhol. A estudante de Enfermagem Gabriela Santos Silva vai estudar em Portugal e disse que escolheu fazer intercâmbio acadêmico para poder conhecer outra realidade da saúde e incrementar o currículo. A discente Lis Engel Cortes Silva também escolheu Portugal. “A Universidade de Coimbra é uma das melhores escolas de Direito do mundo e tem grandes nomes da área jurídica”, afirmou.

 

Para o reitor da Uefs, professor Evandro do Nascimento Silva, os estudantes em mobilidade vão ter a oportunidade de viver outra realidade acadêmica e uma visão mais ampla de mundo. “Vejo-me nos alunos porque na minha carreira profissional investi em experiências fora do país e isso enriqueceu minha formação”, afirmou.

 

Mobilidade Acadêmica

 

Todos os estudantes dos cursos de graduação da Uefs podem participar do programa de mobilidade acadêmica institucional. Para ter acesso a uma dessas bolsas o estudante precisa participar dos editais de seleção que são abertos semestralmente. Os alunos são classificados a partir do currículo. Desde 2007, a Uefs encaminhou 545 estudantes ao exterior através da mobilidade acadêmica. Desses, 326 foram através de bolsa Uefs. Os principais países escolhidos são Portugal, Estados Unidos, França e Espanha.

 

As informações são da Ascom da Uefs.