Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 25/07/2015

Estudo diz que vício em internet diminui regiões do cérebro

computadortabletcelularhorizontalVocê consegue se controlar e ficar um dia inteiro ou alguns dias sem checar redes sociais como Facebook, Whatsapp ou Instagram? Se a resposta for ‘não’, é bom começar a se preocupar. Um estudo revelou que o vício na internet reduz o tamanho do cérebro.

 

A pesquisa publicada na revista científica PLoS ONE, analisou cérebros de 18 chineses que passavam entre 10 e 12 horas por dia jogando games online e outros 18 que só utilizavam a internet por no máximo duas horas por dia. Os cientistas chegaram a conclusão que o uso excessivo da internet causa o encolhimento de diversas pequenas regiões do cérebro.

 

O estudo revela ainda que a exposição a longo prazo da internet pode prejudicar a habilidade de tomar decisões e que quanto mais antigo o vício, pior. Isso porque a massa cinzenta acaba sendo alterada, causando problemas de retenção de informações e afetando o autodomínio e o foco em prioridades.

 

Tomando por base os casos atendidos desde 1995, o Núcleo de Pesquisas em Psicologia e Informática da PUC preparou um relatório com alguns procedimentos comuns a pessoas viciadas em internet. Veja algumas das principais características desses indivíduos:

 

Preocupação
O viciado fica constantemente preocupado com a internet quando está off-line e mal consegue pensar em outra coisa.

Necessidade
O indivíduo tem a necessidade contínua e crescente de utilizar a internet como forma de obter a excitação desejada.

Irritabilidade
Quando tentam reduzir seu tempo na internet, o adicto apresenta reação irritada e grande dificuldade de aceitação.

Fuga
Utilização da internet como forma de fugir de problemas, ou de aliviar sentimentos de impotência, culpa, ansiedade ou depressão é o modo como o viciado se relaciona com ela.

Mentira
O viciado tem o hábito de mentir para familiares e pessoas próximas com o intuito de encobrir a extensão do seu envolvimento com as atividades on-line.

Prejuízos
Com o excesso de tempo na internet, o adicto compromete sua vida social e profissional, evitando compromissos off-line.

Lesões
O uso prolongado do computador causa problemas nas articulações motoras utilizadas na digitação, o que causa lesões por esforços repetitivos (LER).

Apatia
O viciado em internet tem falta de interesse em atividades que sejam realizadas fora da rede ou longe do mundo digital.

Sonho
Sensação de estar vivendo um sonho, durante um período prolongado na internet, é comum no dia-a-dia da pessoa com compulsão ao acesso.

Tempo
Tempo exagerado de conexão, aliado à má qualidade do uso da internet, é uma constante na vida do viciado. A forma da utilização da internet é o elemento determinante para definir se o indivíduo é viciado ou não.

Temas
Os temas abordados normalmente pelo indivíduo são relacionados, de forma direta ou indireta, com a própria internet.

 

As informações são do iBahia