Notícias do Mundo Gospel

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 15/08/2015

Idosa de 92 anos é expulsa de igreja evangélica por não contribuir com o dízimo

Primeira-Igreja-Batista-Africana-de-Bainbridge-e1439469680285Uma idosa de 92 anos foi proibida de frequentar a igreja onde é membro há mais de 50 anos porque havia interrompido suas doações de dízimo.

 

Josephine King afirmou foi expulsa da Primeira Igreja Batista Africana de Bainbridge, Geórgia (EUA) porque não entregava mais os 10% de sua renda.

 

“Josephine King não é mais considerada um membro da Primeira Igreja Batista Africana de Bainbridge, Geórgia”, dizia Gerald Simmons, comentando a carta enviada à sua tia. Outros familiares de Josephine esperam que seu caso sirva para mudar a realidade em outras igrejas dos Estados Unidos.

 

A carta, assinada pelo pastor sênior Derrick Mike, afirmou que a senhora King “demonstrou não apoiar” a igreja nas áreas de “participação financeira e física de forma constante e consistente”, por isso estava sendo desligada.

 

“Ela ficou chocada. Ela estava desapontada. Ela ficou chocada”, disse Simmons, acrescentando que a tia atravessou problemas de saúde e tinha ordens de repouso absoluto ao longo de meses, e esse era o motivo de sua ausência da comunidade de fé e a consequente interrupção em suas contribuições com o dízimo.

 

Simmons destacou que no passado, Josephine havia se doado de forma significativa para dar suporte financeiro à denominação: “Você não deve perseguir os indivíduos. Você não deveria fazer isso. Se for esse o caso, você está com fome de dinheiro”, comentou o sobrinho.

 

À reportagem da emissora WALB, Simmons observou que sua tia não é foi primeira pessoa a receber uma carta de remoção por não dizimar, e espera que sua história sirva para corrigir essa prática: “Você tem que ter dinheiro para fazer essas igrejas se manterem, mas não é sobre o dinheiro. É sobre Deus. Você tem que colocar Deus em primeiro lugar”.

 

A igreja não se posicionou sobre o assunto e não atendeu aos pedidos de comentários sobre a versão da idosa.

 
Gospel +