Notícias

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 12/08/2015

Índice de infestação predial abaixo de 1 por cento

Viep alerta sobre a dengue neste ver_o Foto ACM (1)_2O índice de infestação predial registrado em Feira de Santana é de 0,76%, o que corresponde que para 600 imóveis fiscalizados, em apenas sete foram encontrados focos do mosquito aedes aegypti. O Ministério da Saúde preconiza como ideal para a prevenção da proliferação do inseto transmissor da dengue, febre chikungunya e da zika vírus, que o mosquito seja detectado em até 1% dos imóveis.

Conforme o coordenador de Endemias, Edilson Matos, os agentes de endemias realizam um trabalho diário nos bairros que apresentam maior número de notificações das doenças, com visitas aos domicílios, onde é feito o tratamento, mas ainda assim há morador que não segue as recomendações.

“O município está dentro da normalidade. Os novos casos das doenças que têm aparecido em Feira de Santana são devido aos descuidos dos moradores em seus domicílios”, afirma.

Segundo ele, os agentes orientam a limpar quintais, tampar caixas d’água, não deixar recipientes que possam acumular água expostos, descartar pneus, entre outros. “Os moradores não tomam o devido cuidado que é passado pelos agentes de endemias durante as visitas aos seus domicílios”, reforça.

Dengue, chikungunya e zika

Os cinco primeiros bairros que apresentaram maior número de notificações da febre chikungunya, entre janeiro até a primeira semana de agosto, foram Parque Ipê com 288 casos, Rua Nova (273), George Américo (225), Campo Limpo (206) e Sítio Novo (157). Foram confirmados 532 casos. Ainda há resultados de exames sendo aguardados pela Divisão de Vigilância Epidemiológica.

Foram notificados 155 casos de dengue no Parque Ipê, 104 no George Américo, 102 notificações na Rua Nova e 99 casos suspeitos no Campo Limpo e 94 notificações no Jardim Cruzeiro. Destas, 169 casos foram confirmados.

Já com relação a zika vírus, as cinco primeiras localidades com maior número de notificações foram Parque Ipê (59), Cidade Nova (57), Campo Limpo (52), Liberdade (46) e o distrito de Humildes (45).