Notícias

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 09/02/2018

INSS oferecerá salário-maternidade automático a partir do registro da criança

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) anunciou que a partir de fevereiro disponibilizará o salário-maternidade automaticamente após o registro do bebê, para facilitar o processo de liberação do benefício.

 

Mas para que seja automático, a mãe deve fazer o registro da criança em um cartório que envie os dados da Certidão de Nascimento para o SIRC (Sistema Nacional de Informações do Registro Civil).

 

O salário-maternidade é um benefício pago aos segurados no caso de nascimento de filho ou de adoção de criança. O salário é pago pelo INSS nos casos Contribuinte individual, MEI, empregada doméstica, facultativa e segurada empregada, segurada desempregada e trabalhadora rural.

 

Empregadas em empresas privadas ou públicas têm direito ao benefício, mas recebem pela própria empresa e não pelo INSS.

 

Para poder começar a receber o salário-maternidade, a mãe deverá ligar no telefone 135 ou acessar o site do INSS para fazer a requisição do benefício, então elas serão informadas se o pagamento já está ou não disponível para recebimento.

 

Outro requisito necessário para receber o salário maternidade imediatamente é estar com o cadastro em dia na base de dados do INSS. Essas informações também podem ser acessadas no site da instituição.
Informações JM Noticias