Notícias

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 09/05/2015

Jovens mães na expectativa de passar o domingo em casa

852015162223Elas ainda não iniciaram o período de noites mal dormidas, dias que parecem mais longos, trocar fraldas, dar banhos, entre outros procedimentos que jovens mulheres que se iniciam na arte de ser mãe ainda não dominam completamente. Parte delas deve passar o primeiro Dia das Mães no Hospital da Mulher. Mas as condições não as deixam desanimadas ou tristes. Ficar juntas dos seus filhos consideram um grande presente.

 

As mães que estão iniciando a primeira viagem nutrem a expectativa de passar a data comemorativa do domingo nas suas casas. O presente seria a esperada alta. Mas, afirmam, que se não der, a comemoração vai ser na instituição, mesmo.

 

“Foi uma mudança gostosa na minha vida”, conta Alexandra Lopes, 20 anos, e mãe de Davi Lucas, que nasceu prematuro – é o seu primeiro filho. Ela comenta que a preocupação é grande, mas que a presença do herdeiro é fonte de alimento para tocar a vida. “A experiência está sendo das melhores”, diz. Ele é um dos internados que não vão receber alta até o domingo.

 

Jamile Brandão, mãe de Alice, diz que está muito admirada com o mundo que foi iniciado a partir do nascimento da sua filha. Natural de Mundo Novo, está na expectativa de receber alta neste final de semana. Mas o problema que a deixa no Hospital da Mulher não é da filha, mas dela, que apresentou problema de saúde. “Se for para nosso bem, não vejo problema em passar o Dia das Mães aqui”, diz a jovem.

 

Dez anos depois de ter dado à luz, Luciene Jesus Souza ganhou os gêmeos Launan e Luna. Prematuros, recebem os cuidados médicos no Hospital da Mulher. A mãe disse que a emoção de ter dobrado o tamanho da família é muito grande e que espera passar o domingo na casa dela, com os outros dois filhos. “Estou muito feliz com os gêmeos e espero que eles recebam alta antes de domingo. Se não der, a emoção vai ser a mesma, aqui”.