Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 30/06/2015

Lutador cubano vence no UFC e exorta norte-americanos: “Voltem para Jesus, EUA”

yoel-romeroNo último sábado, 27 de junho, os lutadores Lyoto Machida, brasileiro, e Yoel Romero, cubano, se enfrentaram no UFC Fight Night 70. Em seu discurso de vitória, Romero, que é apelidado de “Soldado de Deus”, convocou os espectadores da luta para se voltarem a Deus.

 

“Escuta, pessoal! O que aconteceu com você, Estados Unidos? O que aconteceu com você? O que está acontecendo? Você esqueceu o melhor dos melhores do mundo, o nome de Jesus Cristo? O que aconteceu com você? Acorde, EUA! Volte a ele, volte! Vá para Jesus! Não se esqueçam de Jesus, povo!”, afirmou o lutador.

 

Antes do combate, Romero destacou sua convicção de fé a respeito da legalização do casamento gay pela Suprema Corte dos Estados Unidos na última sexta-feira, 26 de junho, e sem atacar os homossexuais, disse: “Não esqueçam Jesus”.

 

“Deus tem o controle absoluto de minha vida. Eu espero realizar meu sonho e me tornar campeão”, afirmou, levando o assunto de volta à questão esportiva.

 

Após derrotar por nocaute o oponente brasileiro o “Soldado” usou uma faixa com a referência João 3:16. O adereço permaneceu na cabeça do lutador durante a entrevista coletiva.

 

As declarações no octógono gerou repercussão entre os organizadores do evento, que podem ter exigido que o lutador amenizasse as críticas à suposta apostasia dos norte-americanos: “Quero me desculpar se houve algum mal-entendido. Sou um homem de Deus, e Deus é amor. Minhas expressões sempre vão ser sobre amor… O que eu quis dizer era: Estados Unidos, muito obrigado por me dar o sonho americano! Não há melhor país do que esse… Esse país foi feito por pessoas cristãs e é abençoado por Deus “, declarou o “Soldado”, encerrando a polêmica.