Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 09/03/2016

Maioria dos brasileiros desaprova aborto mesmo com microcefalia

1

Uma pesquisa do Datafolha mostra que para a maioria da população brasileira o aborto não é aceito nem nos casos de microcefalia.

 

A pesquisa mostra que 58% dos entrevistados são contra o direito de aborto das gestantes que tiveram zika vírus durante os primeiros meses da gestação.

 

Para 32% dos entrevistados, a mulher teria sim que abortar, caso queira, para não ter o bebê com este problema. Outros 10% resolveram não opinar.

 

Quando questionado para os casos onde a microcefalia no bebê já foi confirmada, a maioria ainda se posiciona contra o aborto. As respostas foram de 51% para não ser aprovado o aborto, 39% a favor da interrupção da gravidez.

 

Os casos de má-formação no cérebro de recém-nascidos têm sido associados ao aumento de infecção com o zika vírus em gestantes. A Organização Mundial da Saúde (OMS) já decretou emergência mundial pela forma como a doença tem se espalhado pelo país e para outros países do mundo.

 
Desde outubro passado mais de 580 casos de microcefalia já foram identificados, a maioria deles foram no Nordeste.

 

GOSPEL PRIME