Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 27/06/2014

Menina de três anos diz ter visto Jesus depois de quase morrer afogada em piscina

ella-kimbroUma menina de três anos de idade disse ter visto Jesus depois de quase morrer afogada ao entrar na piscina para tirar de lá seu gato de estimação.

 

O fato registrado em Gibson County, no estado norte-americano do Tennessee. Ella Kimbro contou aos pais que Jesus a trouxe de volta à vida quando ela se afogou na piscina inflável que havia sido montada para aliviar o calor do forte verão dos Estados Unidos.

 

O pai, Johnny Kimbro, contou à emissora WMC, afiliada da rede ABC, que tirou sua filha da piscina desesperado e achou que ela tinha morrido: “O que eu me lembro é de estar sobre a minha filha e tentar sentir seu pulso e constatar que não havia pulsação”, disse.

 

Quem deu falta da menina foi a mãe, Christy, que olhou para o local onde a piscina havia sido montada e não viu Ella. Ao correr na direção da piscina, a mãe viu o corpo da menina flutuando. “Ela estava azul, ela estava fria. Puxei-a para fora da piscina, mas ela não estava respirando”, relembra Christy. “Eu pensei que ela estava morta, quando vi pela primeira vez. Lembro-me de gritar ‘Oh meu Deus, ela está morta!’”, acrescenta Christy.

 

O pai diz ter conferido as pupilas da menina e notar que elas estavam dilatadas. Aflito, fez respiração boca a boca e massagem cardíaca em Ella por alguns minutos, quando a menina recuperou a consciência.

 

De imediato, os pais chamaram socorro, e Ella foi transferida para o Hospital Infantil de LeBonheur de helicóptero, e ficou sob observação por cinco dias. Quando finalmente teve alta, contou a experiência com Jesus.

 

“Ela disse que se afogou. Ela viu uma luz brilhante e um homem andando com ela, com cabelos longos. Minha irmã lhe mostrou uma foto em seu telefone e perguntou quem era (era uma imagem de Jesus). Ella disse que aquele era o homem que a salvou. Ela nunca tinha ouvido uma história sobre luzes brilhantes antes”, relatou a mãe.

 

Agora, totalmente recuperada, Ella agora estará sob constante vigilância dos pais para evitar novos acidentes: “Se você tem uma piscina, eu sugiro que você comece o treinamento respiração boca a boca e massagem cardíaca, porque foi isso o que ajudou a salvar a vida dela”, aconselha Christy.

 

Gospel +