Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 08/06/2015

Mesmo com polêmica, famoso pastor mantém planos de comprar avião de R$ 200 milhões

Creflo-DollarO polêmico televangelista Creflo Dollar abriu uma campanha meses atrás para arrecadar contribuições para comprar um jato executivo avaliado em US$ 65 milhões, o equivalente a R$ 204 milhões conforme a cotação da moeda norte-americana na última sexta-feira, 05 de junho.

 

Quando anunciou a campanha, Dollar foi alvo de uma enxurrada de críticas, tanto de fiéis, quanto de pastores e blogueiros cristãos nos Estados Unidos. Devido à intensa repercussão negativa, seu ministério negou que tivesse lançado a campanha e afirmou que não comprariam um jato.

 

No entanto, meses depois, voltaram atrás e anunciaram que mantiveram o plano de comprar um avião a jato intercontinental, para permitir que o televangelista possa cumprir sua agenda internacional de forma mais eficaz.

 

“A longo prazo, um avião a jato intercontinental de alta velocidade é uma ferramenta que é necessário, a fim de cumprir a missão do ministério”, disse o conselho do ministério World Changers Church International em um comunicado. “Pretendemos adquirir um Gulfstream G650, porque é o melhor, e é um reflexo do nível de excelência em que esta organização escolhe para operar”, acrescentou.

 

O pastor Dollar é conhecido por ser um pregador da teologia da prosperidade, um ensinamento adotado por igrejas neopentecostais que sugere que Deus quer que todos os cristãos sejam prósperos e que a riqueza material é um sinal do favor de Deus.

 

Dado a extravagâncias, Dollar leva uma vida luxuosa: vive em uma mansão de R$ 8 milhões e em Atlanta, Geórgia (EUA) e costuma passar férias em um apartamento em Manhattan, em Nova York, por onde anda em um carro Rolls-Royce.

 

No entanto, segundo informações do Christian Post, pode levar algum tempo para que o sonho do pastor Creflo Dollar de ter seu próprio jato torne-se uma realidade. Os modelos Gulfstream G650 estão em alta demanda, e a fabricante tem um “atraso nas encomendas para a aeronave até o início de 2018”.

 

Gospel +