Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 18/12/2017

Museu Parque do Saber Dival Pitombo completou nove anos

O Museu Parque do Saber Dival da Silva Pitombo completou nove anos de intensa atividade nesta sexta-feira, 15. Neste período, o equipamento recebeu mais de 350 mil visitantes de Feira de Santana e de outras dezenas de municípios.

 

“É um grande e importante centro de ciência, onde as pessoas, principalmente estudantes, buscam e ampliam seus conhecimentos”, afirmou Antônio Carlos Coelho, presidente da Fundação Municipal da Tecnologia da Informação, Telecomunicação e Cultura Egberto Costa.

 

Em 2017, mais de 22 mil pessoas, de 57 municípios e de Feira, visitaram o equipamento. Mas o recorde foi há dois anos, com 78 diferentes origens. “O Museu com seu planetário se tornou uma atração de importância regional”, disse o presidente.

 

O diretor de Difusão Científica da Fundação, Basílio Fernandez, enfatiza que o Museu Parque do Saber sediou importantes eventos científicos nacionais e internacionais, com destaque para o que teve a participação do professor da Universidade do Havaí, Klaus Keil.

 

“Foram nove anos de grande produtividade”, afirmou. “Com certeza estas pessoas que aqui estiveram aumentaram os seus conhecimentos na área da ciência e, a partir daí, buscaram novos horizontes”. As visitas são gratuitas.

 

O planetário é considerado equipamento de excelência. Iguais a ele existem apenas 30 em todo o país – existem outros 200 móveis. Basílio Fernandez diz que para se construir um museu com os mesmos padrões do feirense é necessário o investimento de cerca de R$ 15 milhões.

 

O diretor afirmou que o Museu ainda vai continuar com a sua missão durante muitos anos. “E as suas portas sempre continuarão abertas aos estudantes. Vida longa ao Museu Parque do Saber Dival Pitombo”.