Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 16/05/2016

Nova versão de “Baby Baby” de Amy Grant atinge lista das 10 melhores músicas cristãs

1423937259-amy-grant-e-tory-kellyA nova versão de “Baby Baby”, lançada pela cantora Amy Grant em parceria com Tori Kelly estreou em oitavo lugar na lista Top 10 Hot Christian Songs da Billboard. O hit original é um sucesso de 1991. Agora o novo single tem sua entrada como segundo lugar na lista de canções cristãs digitais com mais de 10 mil downloads vendidos na semana que terminou no dia 5 de maio, de acordo com a Nielsen Music.

 

Enquanto a cantora pop e compositora Kelly faz sua primeira aparição na lista da Billboard, Amy Grant é uma veterana. É o seu quinto top 10 e a primeira desde 2010, quando a canção “Better Than um Hallelujah” atingiu o oitavo lugar na lista “Hot Christian Songs”. Já na lista Top Álbuns Cristãos, Grant ganhou 16 vezes o primeiro lugar.

 

A nova versão de “Baby Baby”, foi lançada em homenagem ao 25º aniversário do hit original, que liderou a Billboard Hot 100 por duas semanas desde o dia 27 de abril, e ainda estava no top 10 nesta data há 25 anos. Kelly que tem apenas 23 anos, não havia nascido ainda quando a original foi destaque nas paradas musicais.

 

Heart in Motion, o álbum de Grant que possui a original “Baby Baby”, ficou por 16 semanas na lista de “Top Álbuns Cristãos” e subiu para décimo lugar para o top 200 de todos os gêneros musicais. O LP também produziu três canções que vivaram Top 10 na lista “Hot 100” entre 1991 e 1992. “Every Heartbeat”, em segundo lugar, “That’s What Love Is For” em sétimo lugar e “Good for Me” que ficou em oitavo lugar.

 

Para 2016, Amy Grant alistou os produtores Dave Garcia e Keith Thomas (produtor original da música que também co-escreveu com Grant). Garcia misturou novos vocais de Kelly com a gravação original de 1991. “Na verdade, não era a minha ideia usar Tori Kelly”, diz Grant. “Minha gravadora e gestão trouxeram ela e concordamos imediatamente”.

 

“Fiquei emocionada ao ouvir que Tori estava a bordo para gravar”, disse Grant para a revista People. “Embora eu não tivesse conhecido Tori até então, a minha filha de 15 anos, Corrina, é um grande fã de Tori e então eu estava muito consciente de seu talento incrível”, comentou.

 

A inspiração para o hit surgiu quando Grant, que estava sofrendo de um bloqueio de ideias, estava tentando escrever uma música sobre sua filha Millie, agora com 26 anos. “Eu tinha jogado com algumas ideias líricas, mas nada estava funcionando”, disse ela. “Então um dia eu olhei para a minha nova filha e pensei ‘Oh baby, baby’, e a letra apenas fluiu para fora de mim em cerca de 10 minutos”.

 

Confira a nova versão de “Baby Baby”