Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 25/07/2014

Papa estima que 2% dos clérigos sejam pedófilos, diz jornal italiano

16944-2O jornal italiano La Reppublica afirmou que em uma entrevista recente o Papa Francisco comentou sobre os casos de abuso sexual de crianças cometidos por padres da Igreja Católica.

 

Os casos são considerados pelo Papa como uma “lepra” que infecta toda a Igreja, mas que a quantidade de padres pedófilos é inferior ao que é dito.

 

“Há padres, bispos e cardeais entre esses 2% de pedófilos”, disse Francisco. O pontífice, porém, acredita que o número de sacerdotes que sabem dos abusos é maior, mas que estes ficam em silêncio.
“Eles punem (os pedófilos), mas não explicam a razão (do silêncio)”, disse. “Para mim, essa situação é intolerável”, completou o líder católico.

 

O porta-voz do Papa, Federico Lombardi, foi questionado por outras publicações para confirmar a fala de Francisco, mas ele afirmou que tais afirmações não foram ditas da forma como foi publicado pelo La Reppublica e que as falas não foram dadas durante uma entrevista oficial.

 

Lombardi também afirmou que o jornalista italiano não usou um gravador para conversar com o papa, usando na matéria apenas as frases que ele se recordava.

 

O assunto é polêmico no Vaticano, tanto que o novo líder já criou uma comissão para analisar e tentar barrar o aumento desses números. A estimativa de 2% dse pedófilos pode ter sido retirada das pesquisas feitas pelos conselheiros.

 

A BBC publicou que se a porcentagem do Papa Francisco estiver correta, dos 414 mil padres que atuam em todo o mundo, 8 mil são pedófilos.