Notícias do Mundo Gospel

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 29/12/2014

Pastor da Igreja Universal é nomeado novo ministro do Esporte do governo da presidente Dilma Rousseff

pastor-George-Hilton-ministro-esporteNos últimos dias, a presidente reeleita Dilma Rousseff anunciou os nomes que irão compor seu governo em seu novo mandato. Entre os ministros apresentados pela presidente está o pastor da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) George Hilton (PRB-MG), que será o novo ministro do Esporte.

 

Em seu terceiro mandato como deputado federal por Minas Gerais, Hilton irá substituir o atual ministro Aldo Rebelo, do PC do B, que passará a liderar a pasta de Ciência, Tecnologia e Inovação.

 

Em seu perfil oficial no site da Câmara dos Deputados, o novo ministro do Esporte é descrito como radialista, apresentador de TV, teólogo e animador. George Hilton é pastor ordenado pela IURD e tem, desde 1994, um programa na TV Record, canal que pertence a Edir Macedo, líder da denominação.

 

Assim como outros nomes apresentados pela presidente para compor seu governo, George Hilton está envolvido em um escândalo financeiro. Em 2007 quando era deputado estadual pelo PFL, ele e Carlos Henrique Silva, na época vereador do PL em Belo Horizonte, foram flagrados pela Polícia Federal desembarcando na Capital Mineira com 11 malas e caixas contendo cheques e maços de dinheiro.

 

Na época do escândalo, os políticos foram liberados sem que a polícia informasse qual era a quantia, que viria de doações de fiéis.

 

A escolha do parlamentar para a pasta causou surpresa em muitos analistas políticos, sobretudo pelo fato de ele não ter tradição em proposições envolvendo o esporte. Segundo a ESPN, a última proposição de Hilton envolvendo o esporte foi em 2013 pedindo uma modificação do destino dos recursos arrecadados pelo Timemania para “torná-la mais atraente para seus apostadores e aumentar a capacidade de pagamento das entidades desportivas”.