Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 02/04/2018

Pastor e ex-deputado Agnaldo Muniz morre em acidente de trânsito na BR-319

O pastor Agnaldo Muniz faleceu na tarde do último domingo, 01 de abril, em um acidente de trânsito. Liderança da Assembleia de Deus em Rondônia, o pastor era também advogado e havia sido deputado federal nas legislaturas de 1999-2003 e 2009-2011.

 

Informações da Polícia Rodoviária Federal apontam que o veículo em que o pastor viajava, uma picape S10 branca, aquaplanou na altura do KM 43 da rodovia BR-319, colidiu com um poste e capotou. Muniz faleceu no local, enquanto o passageiro que viajava com o pastor sobreviveu e foi transferido para o Pronto Socorro João Paulo II, em Porto Velho, com ferimentos leves.

 

De acordo com o apurado pelo portal Rondônia Agora, os policiais acreditam que, dadas as condiçõs do carro, o pastor viajava em alta velocidade no momento do acidente. O poste de concreto com o qual o veículo colidiu rachou e caiu com o impacto do carro.

 

Aos 48 anos, o pastor era presidente da UMADERON (União da Mocidade das Assembleias de Deus do Estado de Rondônia) e pretendia retomar sua carreira política nas próximas eleições. Na última quarta-feira, 28 de março, ele havia assinado a ficha de filiação do MDB.

 

Agnaldo Muniz era filho do pastor Sadraque Muniz (ex-deputado estadual e presidente da Assembleia de Deus em Ji-Paraná-RO ) e genro do pastor Nelson Luchemberg, presidente da Convenção da Assembleia de Deus no Estado de Rondônia. Ele deixa esposa e três filhos.

 

O corpo do pastor Agnaldo Muniz está sendo velado desde as primeiras horas desta segunda-feira no templo central da Igreja Assembleia de Deus em Porto Velho. O enterro será realizado na parte da tarde e o cortejo previsto a partir das 15h00.

 

 

GOSPEL+