Notícias do Mundo Gospel

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 01/08/2016

Pastor e fiéis são presos após desacatarem policiais que averiguavam denúncia de som alto

pastor-preso-som-alto-cadeia-prisao

Um pastor e duas fiéis foram presos na noite da última terça-feira, 26 de julho, por manterem o sistema de som do templo em um volume considerado excessivo.

 

O incidente começou quando o pastor Cosmo Thiago Ferreira, 36 anos, pregava no culto da Igreja Unidos da Fé, no bairro Vila Silvia Regina, em Campo Grande (MS). Os vizinhos se incomodaram com o som alto e acionaram a Polícia, alegando perturbação do sossego.

 

Uma equipe da Polícia Militar atendeu a ocorrência e foi ao templo, solicitar que o pastor abaixasse o volume do som, mas os policiais ouviram uma negativa. As fiéis Camila Coimbra Correa, 32 anos, e Taíse dos Santos Pereira, 28 anos, passaram a hostilizar os policiais, de acordo com informações do Campo Grande News.

 

Os vizinhos que fizeram a reclamação foram ao local para esclarecer sua queixa e pedir que os evangélicos abaixassem o volume do som, mas o pastor e as fiéis continuaram hostilizando-os.

 

A essa altura, os policiais teriam sugerido que os vizinhos e o pastor fossem à delegacia para a queixa ser formalizada em um Boletim de Ocorrência (B.O.), mas o líder religioso se recusou e passou a xingar e ofender os policiais, assim como as duas fiéis.

 

Os PMs deram voz de prisão ao pastor por desacato e às duas fiéis por obstrução de prisão, além de perturbação de sossego. Para que os três fossem contidos e levados à delegacia, foi necessário pedir reforço da Força Tática da PM. Após prestarem depoimento na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (DEPAC) do centro de Campo Grande, os três foram liberados e responderão ao inquérito em liberdade.

 
Gospel +