Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 11/09/2014

Pastor Everaldo Pereira diz que Dilma é responsável pela corrupção na Petrobrás e deveria renunciar

pastor-everaldo-pereiraA revelação de novos detalhes no escândalo de corrupção na Petrobrás foi apontado pelo pastor Everaldo Pereira (PSC) como motivo suficiente para fazer a presidente Dilma Rousseff (PT) renunciar ao mandato.

 

Na sabatina feita pelo jornal O Globo, Everaldo disse considerar que Dilma é a “responsável por tudo que está acontecendo” na empresa, e que por isso, ela deveria “renunciar à presidência e à sua candidatura” à reeleição.

 

“Sinceramente, não posso fazer julgamento temerário, mas se ela tivesse um pouco de bom senso, deveria renunciar à presidência e à candidatura. Não é possível que ela, que é gestora, tenha deixado acontecer tudo isso e dizer ‘eu não sabia’ […] Chega de PT, e como eu disse, fora a atual presidente Dilma. Ela deveria sair agora”, disse o pastor.

 

No último final de semana, a revista Veja publicou detalhes do depoimento de Paulo Roberto Costa, que foi diretor de Refino e Abastecimento da Petrobras, à Polícia Federal (PF). A partir de um acordo de delação premiada (em que o suspeito aceita colaborar com as investigações em troca de redução na pena), Costa afirmou que existia um esquema de subornos e propinas que surgiam dos contratos com fornecedores da estatal e destinava os valores para políticos da base governista.

 

Segundo Costa, três governadores, seis senadores, um ministro e pelo menos 25 deputados federais foram beneficiados com pagamentos de propinas.

 

Questionado sobre o motivo de seu partido, o PSC, não ter deixado a base do governo logo após a divulgação dos escândalos de corrupção, Everaldo respondeu que as acusações precisavam ser comprovadas antes: “Naquele momento, havia o julgamento, foi comprovado agora e foram presos. Todos nós tínhamos dúvidas […] Naquela época, havia o benefício da dúvida. Porque agora, se as coisas têm um antecedente, se isso repetiu, não é possível um evento que repetiu agora e dizer que não sabia. A presidente Dilma é responsável por tudo que está acontecendo aí”, concluiu.