Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 04/08/2016

Paulo Henrique Amorim terá que indenizar Gilmar Mendes por associá-lo ao nazismo

1

O jornalista e apresentador da TV Record Paulo Henrique Amorim foi condenado a pagar R$ 40 mil de indenização ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, por publicar em seu site uma montagem em que coloca o magistrado vestido como membro do exército nazista. De acordo com a sentença, após ter sido notificado, Amorim voltou a divulgar charge em que procurou transmitir a ideia de que ele [Mendes] seria portador de alguma forma de demência”.

 

Segundo a coluna Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, o apresentador argumentou em sua defesa que as publicações demonstravam seu direito de livre expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação. A defesa, entretanto, não convenceu o juiz Leandro Borges de Figueiredo, da 8ª Vara Cível de Brasília, que reconheceu o dano moral e determinou o pagamento da indenização. Ainda cabe recurso da decisão. Em 2013, o jornalista havia sido condenado por injúria racial contra o jornalista da TV Globo, Heraldo Pereira . Em 2009, ele se referiu a Pereira em seu site Conversa Afiada como “negro de alma branca”.