Notícias do Mundo Gospel

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 03/08/2015

Precisei perder milhões para voltar a Deus, revela ex-astro da NBA

unnamed (13)Vin Baker é um ex-jogador de basquete, muito famoso no fim da década de 1990. Ele jogou em vários times: Bucks, SuperSonics, Celtics, Knicks, Rockets e Clippers. Após 13 anos como jogador profissional, lembra que, quando se aposentou, em 2006, tinha mais de 100 milhões de dólares na conta.

 

Mas seu alcoolismo além de lhe custar sua carreira na NBA, destruiu sua vida e o levou à falência. Ele fez uma série de investimentos ruins e foi trapaceado por seu contador.
Aos 43, ele está começando literalmente a vida de novo. Porém, está feliz. Afirma que descobriu o seu verdadeiro eu, e um novo significado para a vida.

 

“É gratificante. Acredite ou não, mais gratificante do que fazer um jogo com o time das estrelas”, afirmou. “Estou feliz e sinto-me abençoado, por estar nesta posição, com uma mente clara, a compreensão clara de onde eu vim, de tudo o que eu passei, para poder compartilhar tudo isso”.

 

Baker já foi multimilionário, participou do time das estrelas da NBA e ganhou uma medalha de ouro na Olimpíada de Sydney em 2000. Hoje em dia é gerente de uma filial da rede de cafeterias Starbucks.
Nos finais de semana, exerce o ministério como pastor de jovens na igreja liderada pelo seu pai. Também dá palestras e aconselha jogadores mais jovens sobre o risco de se enganar com o sucesso. Os últimos anos de carreira ele vivia embriagado, isso prejudicou sua performance nas quadras. Também enfrentou pesadas críticas, que o levaram a ficar em profunda depressão.

 

“Quando cheguei ao fundo do poço, estava desesperado para encontrar respostas. Foi nesse momento que voltei para Jesus. Um monte de gente, quando chega ao fundo, não procuram mais respostas. Eu continuei a procurar e as encontrei”, lembra.

 

Recentemente esteve na pré-temporada do Bucks, time onde começou na NBA. Ele compartilhou um pouco da sua história, sobre a fama e a fortuna. Também contou como Jesus mudou a sua vida.
Em 2008, já falido, precisou vender sua mansão. Hoje vive numa casa igual a tantas outras na pequena cidade de Groton, Connecticut. Além de seus prêmios como jogador, tem na parede um diploma de teologia pelo Union Theological Seminary, de Nova York. Casado, com quatro filhos para criar, Baker relata que foi criado na igreja, mas logo que começou a ganhar dinheiro se esqueceu do que havia aprendido a vida toda.

 

Somente quando perdeu tudo o que tinha, lembrou que Deus sempre oferece uma segunda chance.
Do púlpito que ocupa alguns domingos, ele afirma: “Quando você está protegido pela armadura de Deus, não importa quanto dinheiro você teve ou quantas medalhas de ouro ganhou nos Jogos Olímpicos. Não, essa armadura significa orar e usá-la para protegê-lo contra o inimigo. Quando você tem milhões é fácil esquecer-se de Deus. Eu sou culpado. Esqueci-me de frequentar a igreja por anos. Mas Ele me trouxe de volta sob sua proteção.”

 

Com informações de Daily Mail, Scripps Media e NY Daily News