Notícias

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 10/11/2017

Prefeitura destrói quase 2 mil aparelhos de som apreendidos em blitz

Quase dois mil aparelhos de som foram destruídos na manhã desta quinta (9) em Feira de Santana. O material foi apreendido em diversas blitz da operação Feira quer Silêncio, realizada pela Prefeitura.

 

A destruição dos equipamentos aconteceu na Praça do Fórum Filinto Bastos e chamou a atenção de muitos curiosos. Ambientalistas e secretários municipais acompanharam a ação, ao lado do prefeito José Ronaldo de Carvalho.

 

“A gente trabalha para que as leis sejam cumpridas e torcemos que s pessoas ouçam som respeitando o vizinho e respeitando o que a lei determina”, disse o prefeito.

 

O secretário de Meio Ambiente, Sérgio Carneiro, explica que a Prefeitura está embasada juridicamente para fazer a destinação final dos aparelhos de som. “Essa ação é autorizada por uma lei aprovada na Câmara Municipal. A legislação diz que a partir de agora as pessoas têm até 30 das para reclamar os seus equipamentos. Se não fizer, a prefeitura dará mais 60 dias. Ao final desses prazos, o material poderá ser doado ou destruído”, explicou o secretário.