Notícias

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 09/06/2014

Procon multa CCE em R$ 100 mil

15972-2Um número recorde de queixas em relação a empresa de eletrônicos CCE motivou a Superintendência Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon – Feira) a multar a instituição em R$ 100 mil. A falta de assistência técnica e cumprimento dos acordos com os clientes foram os principais motivos para a adoção da medida.

 

De janeiro de 2013 até abril deste ano foram registradas 889 reclamações de clientes. O principal motivo das queixas é a falta de assistência técnica dos produtos que apresentam defeitos ou a troca dos mesmos. “Os clientes reclamam que vão até os locais onde os produtos devem ser concertados e não conseguem realizar o procedimento”, afirmou a superintendente do
Procon, Suzana Mendes.

 

Segundo Suzana Mendes, a empresa foi chamada para diversas audiências de conciliação com os consumidores lesados, mas nenhuma providência foi tomada para ressarcir os clientes. “Os representantes compareceram, porém, a cada reunião era firmado um acordo entre as partes. Nenhum acordo foi cumprido pela empresa”.

 

“Diante das circunstâncias, a única medida cabível no momento é realizar a notificação com a aplicação de multa. Trata-se de um processo administrativo por ter extrapolado todas as  esferas amigáveis de acordo”, declarou a superintendente.

A empresa tem 30 dias para efetuar o pagamento da multa. Caso não ocorra, o Procon vai realizar uma ação civil pública para que a empresa seja punida pelas irregularidades.

 

As informações são da Secom.