Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 06/06/2018

“Serial killers” mataram quatro pessoas em rituais satanistas para obterem números da Mega-Sena

A Mega-Sena está acumulada nesta quarta-feira, 06 de junho, e pode pagar até R$ 5,5 milhões aos apostadores que acertarem as seis dezenas. Em uma circunstância semelhante, meses atrás, um grupo de “serial killers” matou quatro pessoas em um ritual satânico com o objetivo de ganhar na loteria.

 

O caso foi registrado na cidade de Iguatu (CE), após as investigações da Polícia Civil apontarem que quatro corpos encontrados enterrados na zona rural da cidade pertenciam a pessoas que estavam desaparecidas desde o ano passado.

 

O delegado Marcos Sandro Lira afirmou que os criminosos eram “serial killers psicopatas” que praticaram um “ritual satânico” em busca da obtenção dos números que seriam sorteados no prêmio da Mega Sena.

 

Segundo informações do portal G1, um dos suspeitos também queria obter “poderes divinos”, mulheres e “poder para desafiar qualquer um”.

 

“Eles escolhiam aleatoriamente. Eram serial killers psicopatas que se fingiam de religiosos para se infiltrar na sociedade. Eles escolhiam pessoas frágeis psicológica e emocionalmente, mas se [a vítima] fosse alguém que tinha alguma rixa com eles, era um alvo preferencial”, contou o delegado.

Até agora, dois suspeitos dos crimes, identificados como Gleudson Dantas Barros e Roberto Alves da Silva, foram presos, e um terceiro suspeito, adolescente, foi encontrado morto. A Polícia Civil concluiu que ele cometeu suicídio.

 

Os crimes eram praticados depois que as vítimas eram atraídas para um sítio no distrito de Suassurana, onde são realizados rituais macabros. “Lá eles colocavam um pano cobrindo a cabeça da vítima, pediam para eles se concentrarem, pensarem no número da Mega-Sena, aí chegava um por trás e dava um tiro na nuca. As quatro vítimas foram mortas dessa forma”, afirmou o delegado Marcos Sandro Lira.

 

Os dois presos serão indiciados por homicídio, corrupção de menor, ocultação de cadáver e vilipêndio de cadáver.

 
Gospel +