Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 29/03/2018

Silvio brinca ao dizer que Cunha atrapalhou seu sonho de ser presidente

Com uma longa história na TV e larga experiência como empresário, Silvio Santos relembrou sua trajetória profissional durante gravação do seu programa que vai ao ar neste domingo (1). “Comecei vendendo carteirinhas para título de eleitor. Eu ganhava bem, mas depois fui vender canetas e ganhava três salários mínimos por dia. Caneta foi a melhor mercadoria. Comprava 12 canetas por 160 e vendia por 240, ganhava 80 reais em cada dúzia e vendia doze dúzias por dia. Ganhava 960, pagava 200 pro farol e ficava com 760”, recorda o apresentador.

 

E continuou: “Eu fui para a rádio ganhar 2 mil reais por mês. Eu ganhava 960 por dia. Você acha que eu ia ser bobo de ficar ganhando 2 mil por mês quando eu ganhava em três dias isso? Não! Fiquei como camelô”, afirma Silvio sobre a sequência de fatos.

 

Em outro momento, o dono do SBT revê um vídeo antigo e relembra sua investida política, quando tentou ser presidente: “Não! Era o Eduardo (Cunha)? Ele que atrapalhou (a candidatura)? Bem feito, tá em cana!”, diz brincando.

 

Atualmente preso por recebimento de propina, Eduardo Cunha é um político filiado ao PMDB. Deputado federal entre os anos de 2003 a 2016, teve o mandato cassado em 2016.

 

NOTÍCIAS AO MINUTO