Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 24/02/2015

Thalles Roberto critica vendedores ambulantes durante show

thalles-roberto-danca-com-microfone Thalles Roberto atraiu uma grande multidão na quinta-feira (19) em Ilha Bela (SP) onde ele se apresentou para cerca de 20 mil pessoas. Mas durante a apresentação, o público que curte o som eletrizante do artista ficou impressionado quando o cantor resolveu parar o show e dar uma bronca nos vendedores ambulantes que vendiam camisetas com seu nome.

 

Thalles falou ao microfone que as camisetas originais vendidas em sua loja virtual servem para levantar recursos para um hospital que trata pessoas com câncer em sua cidade.
“As pessoas do hospital do câncer da minha cidade me têm como mantenedor fiel desde quando comecei com o meu ministério”, disse ele. “Ai pessoas copiam o modelo da camiseta e penduram no varal ali”, afirmou o cantor apontando para os vendedores que estavam no fundo do espaço.

 

O artista foi além e chamou os vendedores de bandidos. “Eu vou fazer um pedido para vocês, vocês não precisam comprar a camiseta que ajuda o hospital, mas não alimenta vagabundo. Vou dizer… se me pedisse a licença, eu liberaria e até pediria verba pro hospital, mas faz pior que bandido… copia e coloca na cara da gente. Isso é bandido pra mim, ladrão!”

 

No vídeo é possível ouvir que algumas pessoas aplaudiram o que Thalles falou, mas o e-mail que recebemos com o link do vídeo também chegou com um depoimento contra o cantor.
“Thalles compareceu atrasado para o evento e com muita arrogância e prepotência se apresentou. Todos que ali estavam ficaram chocados com as palavras duras que o mesmo proferiu no palco”, escreveu a fonte. “Não concordamos com a venda de produtos ilegais, mas a atitude do pastor e cantor não foi a das melhores. O evento perdeu a graça, pessoas na plateia reprovaram a atitude dele”.

 

No site do Hospital Regional do Câncer de Passos, cidade mineira onde o cantor reside, o logo do cantor Thalles Roberto aparece entre as empresas parceiras, comprovando que de fato ele coopera financeiramente para o funcionamento do hospital.

 

Assista:

 

 

Gospel Prime