Polícia indicia dois pastores por crimes sexuais contra membros de igreja evangélica: defesa dos líderes discorda da conclusão das autoridades policiais

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Os pastores Luiz Antônio e Lucas Abreu, da Igreja do Evangelho Quadrangular em Sergipe, foram indiciados por crimes sexuais contra mulheres que frequentavam a instituição. A informação foi divulgada pela Polícia Civil durante coletiva nesta quarta-feira (26), após a conclusão do inquérito.

Segundo a polícia, Lucas Abreu está sendo indiciado por estupro de vulnerável e assédio sexual contra quatro mulheres, sendo que duas delas, à época do crime, tinham 13 e 15 anos.

Já Luiz Antônio foi indiciado por violação sexual mediante fraude contra sete mulheres – cinco denunciantes foram de Sergipe e duas da região Norte do país.

As investigações começaram em março deste ano, após algumas mulheres registrarem queixa. Um dos citados chegou a classificar as denúncias como ‘absurdas’. Ao todo, 21 pessoas foram ouvidas, incluindo os pastores, que são pai e filho.

A defesa dos pastores informou que discorda da conclusão das autoridades policiais, por não haver espécie de prova além do depoimento das supostas vítimas. A assessoria de comunicação da igreja ainda não se pronunciou.

Serviço

Casos de assédio podem ser denunciados pelo DAGV, que funciona todos os dias, 24h. Em Aracaju, o departamento está localizado na Rua Itabaiana, no Bairro São José, ou através do número (79) 3205-9400. Em Nossa Senhora do Socorro, a delegacia fica na Rua 24, 168, Conjunto João Alves Filho. O contato é feito pelo (79) 3279-2450.

Informações do G 1

OUTRAS NOTÍCIAS