Versículo do dia
Entrai pela porta estreita, porque larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; E porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem.

A Bíblia completa já está disponível em 700 línguas e em parte para mais de 2.930 mil

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Anunciar o Evangelho de Jesus Cristo utilizando a Bíblia não é uma opção para o cristão, mas sim um dever, visto que se trata de uma ordenança dita pelo próprio Jesus Cristo, como narra a passagem de Marcos, capítulo 16, dos versos 15 ao 16:

“E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura. Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado”.

Cientes disso, cristãos em todo planeta trataram de traduzir e distribuir exemplares da Bíblia Sagrada ao longo dos séculos, buscando ao máximo, sempre, seguir rigorosamente a transmissão dos textos originais, os chamados “autógrafos”.

Essa iniciativa segue um propósito, também anunciado por Jesus Cristo na passagem de Mateus, capítulo 24, no verso 14. Na ocasião, o Messias falava aos discípulos sobre os sinais dos últimos dias, antes da sua segunda vinda à Terra, quando irá julgar em definitivo a humanidade e estabelecer o seu Reino.

“E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim”, diz a passagem. Ou seja, a pregação da Palavra tem como propósito testemunhar o amor de Deus para toda a humanidade, sendo para isso a tradução da Bíblia em diferentes idiomas algo crucial.

Felizmente, dos 7 mil idiomas catalogados no mundo, a Bíblia já foi traduzida na íntegra para 700. Parece pouco, mas na verdade isso representa um alcance de 80% da humanidade, estimada em 7,8 bilhões de pessoas.

Isso, porque, grande parte dos idiomas em questão são dialetos locais, herdados de comunidades mais isoladas antigas. Ainda assim, grande parte dessas comunidades já possuem parte da Bíblia traduzida, pois em parte, a Palavra de Deus já está disponível em 2.930 mil idiomas.

São traduções menores, como do Novo Testamento (NT), por exemplo. Segundo a Sociedade Bíblica do Brasil, o NT já está traduzido na íntegra para 1.334 idiomas falados por 658 milhões de pessoas.

Um dos grandes desafios dos tradutores, agora, é disponibilizar a Bíblia Sagrada para deficientes auditivos.

“Estima-se que mais de 300 milhões de pessoas, em todo o mundo, tenham deficiência auditiva e 70 milhões delas utilizam a língua de sinais para se comunicar. Há mais de 400 línguas de sinais únicas, porém, o Novo Testamento somente está disponível na Língua de Sinais Americana”, diz a SBB.

Apesar do caminho ainda a percorrer, o CEO Michael Perreau, das Sociedades Bíblicas Unidas (SBU), uma das entidades responsáveis pela tradução bíblica, garante que existem motivos de sobra para os cristãos comemorarem os avanços conquistados até então.

“É muito encorajador ver 700 idiomas com a Bíblia completa. Este é o fruto de gerações de sacrifício e generosidade. Cada tradução da Bíblia leva anos de trabalho duro e dedicação”, disse ele, segundo a Ultimato.

“Agradecemos a Deus pelos homens e mulheres que passaram tanto tempo de suas vidas levando a Palavra de Deus às suas comunidades e àqueles que apoiaram e oraram por este trabalho”, conclui Michael.

Fonte: Gospel Mais, imagem ilustração.

OUTRAS NOTÍCIAS