Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 16/08/2019

André e Cassi Valadão levam filho a show secular e sofrem críticas nas redes sociais

André Valadão e sua esposa, Cassi, estão no centro de uma nova polêmica envolvendo música secular. O casal atendeu aos pedidos do filho mais velho, Lorenzo, para ir ao show do cantor Shawn Mendes em Orlando, Flórida (EUA) e compartilhou o momento nas redes sociais.

 

Cassi Valadão usou sua conta no Instagram para compartilhar fotos e vídeos do momento, e adicionou um longo relato na publicação, explicando que Lorenzo “sempre foi muito precoce, menino com gosto aguçado pra musica, artes, esporte”.

 

No texto, a esposa do pastor da Igreja Batista da Lagoinha em Orlando conta que o menino é fã de Shawn Mendes e eles resolveram atender ao pedido para assistir ao show: “Sei que como pais, temos que ensiná-los no caminho que é #Jesus e é isso que fazemos todos os dias. Essa é a nossa vida. Mas não é por isso, por vivermos dentro da igreja, que faz de nós imune ao mundo […] Eu e o André poderíamos ter dito não, mas resolvemos topar mais essa ‘aventura’, acompanhar nosso filho em seu 1º show ‘secular’ como dizemos. Foi super legal, 95% meninas, adolescentes, pais com os filhos”, relatou.

 

Em outro trecho do relato, a esposa do pastor compartilhou um bastidor da família: “Saímos de lá, e voltando pra casa no carro, o André explicou pra ele mais uma vez os valores desse mundo e a diferença de um show e de uma ministração, como ele ( André) como cantor tb, faz desde novo”, escreveu.

 

“Creio que como pais, temos que ter a sabedoria de ensinar com exemplo e não apenas dizendo não pra tudo e tentando impedi-los de participar de tudo que não está dentro das 4 paredes de uma igreja. Sei de pessoas que fizeram isso, e hoje colhem tristes frutos disso”, acrescentou Cassi Valadão.

 

Recentemente, Clara Tannure, filha da pastora Helena Tannure, da Igreja Batista da Lagoinha, disse que escutava músicas seculares “escondida” dos pais: “Gostava de Luka, Kelly Key… Mas o YouTube facilitou. Eu sonhava em ser como a Britney”, disse a jovem, que se assumiu publicamente como bissexual e lançou a música Chora Boy.

 

Críticas
Usuários do Instagram que seguem as publicações de Cassi Valadão repercutiram a revelação feita por ela sobre o passeio em família.

 

Uma das pessoas que comentaram as fotos e vídeos pontuou que considerava a iniciativa precipitada: “Gosto desse casal, mas levar uma criança de 10 anos em um show secular é uma atitude impensada. Se o objetivo era mostrar a diferença entre a igreja e o mundo, acho que ta muito precoce, afinal de contas estamos falando de uma criança e não um adolescente”, disse uma seguidora.

 

“Misericórdia ainda teve coragem de postar”, comentou uma segunda contra a atitude da família Valadão. “Eu não concordo plenamente, mas quem sou eu para jugar ou falar mau de ninguém. As diferentes opiniões e pontos de vista não tem porque ser motivo de desunião”, escreveu outra.

 

“Parabéns pela sabedoria!!! Belas palavras! Religiosidade complica, Jesus simplifica!”, escreveu uma das internautas, aprovando a iniciativa do casal.

 

Gospel +