André Valadão é criticado por levar foragido da Justiça para evento em sua igreja

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

O cantor e pastor André Valadão, da Igreja da Lagoinha em Orlando, nos EUA, está sendo criticado nas redes sociais por realizar um evento que tinha no palco da igreja, como palestrante, o jornalista bolsonarista Allan dos Santos.

Allan dos Santos é investigado em dois inquéritos do Supremo Tribunal Federal (STF): um por divulgação de fake news e ataques aos ministros da Suprema Corte e outro por atuação em milícia digital contra a democracia.

Ele teve sua prisão decretada pelo ministro Alexandre de Moraes em outubro do ano passado. Como ele já havia fugido para os EUA após entrar na mira dos inquéritos, o ministro do STF acionou o Ministério da Justiça para que fosse solicitada sua extradição.

A “Conferência de Conservadorismo Governe”, que ocorreu nesta sexta-feira (7), e sábado (8), contou também com a presença do ministro das Comunicações, Fábio Faria, o deputado Lucas Gonzalez (Novo-MG), o vereador por Belo Horizonte Nikolas Ferreira (PRTB) e Paulo Figueiredo Filho, neto do ex-presidente João Figueiredo.

Em sua conta no Instagram, André Valadão disse, sobre o evento, que “é tempo de levantar a verdade do conservadorismo, da política de direita e nossa fé em Jesus”.

Em nota enviada ao site Poder360, o ministro das Comunicações, Fábio Faria, disse que não teria comparecido se soubesse que o foragido Allan Santos estaria no evento.

Críticas

No Twitter várias pessoas criticaram o pastor André Valadão por deixar que um foragido da Justiça subisse ao palco da sua igreja para uma palestra.

Abaixo seguem algumas das diversas criticas que foram feitas ao pastor André Valadão.

“Tu que se congratulas com bandidos procurados pela justiça @andrevaladao és como “asna selvagem acostumada ao deserto e que no ardor do cio sorve o vento; quem lhe pode impedir o desejo? Dos que a buscarem, nenhum precisa cansar-se; pois no mês dela, achá-la-ão”. Jr 2:23″, disse o pastor Alexandre Gonçalves, da Igreja de Deus no Brasil em Santa Catarina.

“Parabéns @andrevaladao Levando foragido da polícia ao púlpito da igreja. Que coisa linda”, ironizou um internauta.

“Infelizmente o pastor, líder que apoia o Jair Bolsonaro não segue realmente os encanamentos de jesus Cristo. Porque as pregações de jesus não condiz com as atitudes destes pastores líderes. Estamos vivendo um momento complicado”, disse outro internauta.

“Além do Nikolas, do Fábio Faria, do Rivaldo e da outra vereadora de BH, aquele médico bolsonarista preso no Egito por assédio (Victor Sorrentino) também estava lá e obviamente um dos anfitriões André Valadão. Todos no #EncontroComForagido”, disse o Twitter da página Desmentindo Bolsonaro.

“Eu já pastoriei uma igreja logo após me formar em teologia e agora estou distante do atual cristianismo, mas não da minha fé. Quando vejo uma cena dessa e o silêncio da igreja tenha cada vez mais certeza da minha decisão”, disse um internauta.

“@andrevaladao sentado na roda dos escarnecedores. Gostei que você conseguiu personificar a cena. Deus ta vendo né?”, disse outro internauta.

O pastor André Valadão ainda não se manifestou.

Com informações de O Antagonista, Poder360 e Twitter

OUTRAS NOTÍCIAS