Apesar de afirmar gratidão aos evangélicos de Feira, prefeito Colbert Martins coloca em dúvida a realização da Marcha para Jesus: “Vamos olhar com carinho sobre o evento”

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Foto reprodução/ arquivo Secom

A 26ª Marcha para Jesus pode não acontecer no próximo mês no município de Feira de Santana(BA). Essa dúvida ficou no ar, durante entrevista do prefeito Colbert Martins na última terça-feira (14), no programa Subaé Notícias com Denivado Costa.

Levando em consideração o surgimento dos casos de Covid 19 na Bahia, além dos festejos juninos, o sinal de alerta acendeu em vários municípios baianos .

O radialista indagou ao prefeito sobre a situação de Feira de Santana, já que os festejos na zona rural já estavam programados e as evidências de um aumento da pandemia poderia ser reflexo das aglomerações.

Questionado também sobre o apoio e a realização da Marcha para Jesus, Colbert disparou imediatamente: “Vamos olhar com carinho sobre a realização da Marcha para Jesus. Só após os festejos juninos é que vamos ter um parâmetro da situação”, enfatizou gestor municipal em tom de dúvida.

Neste final de semana(18), vários pastores e membros da Associação de Ministros Evangélicos traçaram metas da festa para o próximo mês, entre os convidados do evento os vereadores Edvaldo Lima e Valdemir Santos.

O silêncio como resposta

Desde o mês de maio a entidade evangélica vem tentando um diálogo com gestor municipal, mas o que parece ainda não foi atendido. O bispo Edson Mello solicitou o apoio da Prefeitura Municipal no que se refere a estrutura e dois trios. Até o momento o silêncio veio como resposta, pelo menos a redação do Portal Cidade Gospel

O prefeito já negou qualquer entrave com os evangélicos, porém algumas lideranças do gestor demonstram insignificância com o povo cristão que ajudou Colbert nas eleições municipais .

Fonte- Portal  Cidade Gospel

OUTRAS NOTÍCIAS