Versículo do dia
Mas em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus.

Após 18 dias sem técnico, Bahia anuncia Gilson Kleina

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

RTEmagicC_e27e9ad7ee.jpgApós uma longa espera de 18 dias sem técnico, o Bahia finalmente assinou contrato com seu novo técnico. Como o presidente Fernando Schmidt já havia adiantado, o nome do novo treinador é Gilson Kleina, que assinou contrato até o fim da temporada. Charles Fabian, ídolo do clube que estava no papel de treinador interino, ficará como assistente técnico de Kleina.

 

“Eu estava no sub-20, não tinha perspectiva de subir, surgiu uma oportunidade como essa e, graças a Deus, estava preparado. Sempre falei que estaria ao lado da diretoria com qualquer decisão. A gente tem que unir forças nesse momento”, disse Charles, em nota divulgada pelo clube.

 

Desempregado desde o início de maio, quando deixou o Palmeiras, Kleina demorou a assinar com o Bahia por conta do alto salário. Além disso, o treinador pediu ao tricolor que aguardasse até o dia 11 de agosto para assinar contrato, já que ele só poderia se tornar técnico de um novo clube após receber a última parcela de uma dívida paga pelo clube paulista.

 

O Bahia estava sem técnico desde o dia 26 de junho, quando Marquinhos Santos foi oficialmente demitido, após derrota por 1 a 0 para o Internacional, pelo Campeonato Brasileiro. Agora, a missão do Tricolor é se afastar da zona de rebaixamento. Atualmente, o time tem apenas 13 pontos somados e amarga a 18ª posição na tabela.

 

O último clube de Kleina foi o Palmeiras, onde trabalhou de setembro de 2012 a maio de 2014, com 56 triunfos, 20 empates e 29 derrotas.

 

Correio

OUTRAS NOTÍCIAS