Após ataque do PT à CGADB, pastor diz que evangélicos devem ficar em alerta

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

A reação do Partido dos Trabalhadores (PT) contra pastores da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) continua despertando a atenção de líderes religiosos. Conforme o GospelMais já noticiou, a sigla petista resolveu ingressar com uma ação contra os pastores José Wellington Costa Junior e Sóstenes Cavalcante.

A acusação é de que eles teriam feito campanha eleitoral antecipada durante um culto da CGADB em Cuiabá (MT), com a presença do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro.

O presidente da Assembleia de Deus CIADSETA em Nova Olinda, no Tocantins, pastor Sóstenes Teles, reagiu ao tomar conhecimento do processo contra os colegas de ministério, afirmando que este fato deve colocar os evangélicos em alerta.

“Temos liberdades constitucional inegociáveis, em especial a liberdade religiosa. Assisto a esse episódio como um prenúncio, como um alerta a todo povo brasileiro, não somente às Assembleias de Deus, mas, a todos os cristãos de nosso imenso Brasil, caso esse partido volte a assumir o comando da nação”, afirmou o pastor.

Muito embora o processo judicial do PT tenha sido contra o líder da CGADB, Teles entende que se trata de um ataque a toda liderança das igrejas Assembleias de Deus do país, denominação que vem manifestando apoio ao atual governo, desde a campanha eleitoral de 2018.

“Me solidarizo com os milhares de assembleiamos de todo o país, filiados, vinculados e congregados da CGADB. Quando se feri o nosso líder pastor Wellington Júnior, também se feri a nossa instituição e ato como este deve ser repudiado”, destacou o pastor, segundo o JM Notícias.

Outro pastor, dessa vez Silas Malafaia, também já havia reagido à iniciativa do PT. O líder da Assembleia de Deus Vitória Em Cristo chegou a gravar um vídeo fazendo um alerta no mesmo sentido de Teles, voltado para a comunidade evangélica.

“Se o povo evangélico dessa nação possui discernimento espiritual como está escrito na Palavra de Deus em I Coríntios 2:14, vai entender os sinais e alertas de Deus. É para os evangélicos jamais votarem no PT!”, declarou o religioso.

Gospel +

OUTRAS NOTÍCIAS