Após matar feitor, Moisés é obrigado a fugir do Egito

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

A morte de Panahashi (Daniel Satti) vai meter Moisés (Guilherme Winter) em sérios problemas. Nos próximos capítulos da novela A Bíblia, o filho adotivo de Disebek (Eduardo Lago) será convencido por Ramsés (Sérgio Marone) a deixar o Egito para não ter de enfrentar a ira do faraó Seti (Zecarlos Machado).

“Você precisa deixar o Egito imediatamente“, diz o irmão de Henutmire (Vera Zimmermann) ao amigo de infância. Moisés, porém, não gosta nada da ideia. “Eu não vou abandonar minha família. Preciso voltar ao palácio e assumir o que fiz, antes que o rei se volte contra eles“, rebate o rapaz, indignado.

“Se voltar, será condenado à morte, e eu não vou poder te ajudar dessa vez. O rei está encarando essa questão como uma ameaça à segurança do reino. Nada impede que, após a execução, meu pai se volte contra a tua família hebreia. Morto você não vai ajudar ninguém!“, argumenta Ramsés, quase em desespero.

“O príncipe tem razão, Moisés. O seu sacrifício não ajudaria em nada“, apoia-o Anrão (Paulo Gorgulho), que acompanha toda a conversa. “Nós não temos tempo a perder. Assim que sair a sentença, toda a guarda vai sair em sua caça“, insiste Ramsés. Com isso, Moisés aceita ir embora do país onde cresceu.

Fonte- Observatório da TV (UOL) e foto Record

OUTRAS NOTÍCIAS