Destaques

Portal Cidade Gospel | Redação | Publicado em 30/01/2019

Artista cria polêmica ao pintar santos católicos em cenas de nudez

Uma exposição chamada “Santificados”, produzida por um artista plástico brasileiro, vem causando polêmica por retratar os santos da tradição católica em cenas de nudez. Ao todo, são 15 peças que variam entre telas a óleo e desenhos feitos com caneta.

 

Rafael Dambros, 35 anos, autor das pinturas, trata sua obra como uma “releitura” da imagem dos santos da Igreja Católica. Na maioria das peças há braços e pernas à mostra, e em algumas há nádegas, seios e genitálias expostas.

 

As pinturas foram expostas inicialmente na Câmara Municipal de Caxias do Sul, onde o prefeito Daniel Guerra proibiu que alunos da rede municipal visitassem a exposição por considerá-la ofensiva.

 

Segundo informações do portal Gaúcha ZH, a exposição é o resultado de quatro anos de pesquisa do artista, que diz que seu objetivo é promover uma releitura dos ícones.

 

Na conceituação de seu trabalho, Dambros chega a comparar os ativistas progressistas contemporâneos aos santos católicos: “Ao longo desse trabalho, descobri que os santos eram mortos das maneiras mais cruéis possíveis, porque eles tinham a filosofia de Jesus de levar o amor para lugares intolerantes e também porque eles batiam de frente com o poder vigente. Aí, me perguntei: quem são essas pessoas hoje? São aqueles que lutam pelos direitos humanos, das mulheres, da comunidade negra e da população LGBT+. São esses indivíduos que exercem essa função e são apedrejados por isso”.

 

Dambros defende-se das críticas dizendo que suas pinturas não são objetos de culto religioso, mas apenas um trabalho artístico. No entanto, ele se vale do conceito religioso para exercer seu ativismo, pois ao lado da tela que representa São Sebastião ele inseriu uma paráfrase da oração católica para o santo, adaptando-a contra a homofobia.

 

Gospel +