Associações rurais receberão verbas para construção de sedes e núcleos produtivos

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

242015130948 (1)Associações comunitárias rurais de Feira de Santana serão contempladas com verbas destinadas à construção ou reforma de sedes, e implantação de núcleos produtivos. A notícia foi dada durante reunião entre o prefeito José Ronaldo de Carvalho, juntamente com secretários municipais, com moradores do povoado Fazenda Ladeira, no distrito Tiquaruçu, na noite desta quarta-feira, 1º. Somente naquela localidade, duas entidades serão beneficiadas.

 

Conforme o secretário de Agricultura, Recursos Hídricos e Desenvolvimento Rural, Welington Andrade, cada associação terá direito a R$ 80 mil. Os recursos são do Programa Desenvolvimento Sustentável Rural, da Fundação Banco do Brasil. A Seagri garantirá todo o suporte técnico às associações, para que possam pleitear os recursos.

 

Somente em Feira de Santana, 24 entidades poderão estar aptas ao benefício, resultando no montante de cerca de R$ 1,9 milhão. “É um recurso sem reembolso, ou seja, uma doação. Não se trata de linha de crédito ou algum tipo de financiamento. E deverá ser utilizado para reformar ou construir sedes para as associações e para a compra de equipamentos visando a implantação de núcleos produtivos, visando garantir alternativas de renda para as famílias da zona rural”, explicou Welington.

 

“Assim que esses núcleos produtivos estiverem funcionando, a Prefeitura auxiliará no escoamento da produção, sobretudo na merenda escolar. Porque além de produzir, eles precisam vender”, completou o secretário de Agricultura.

 

REIVINDICAÇÕES

 

Uma pauta de reivindicações foi apresentada ao prefeito e secretários pela Associação Rural Comunitária de São Cristóvão e Adjacências. O gestor municipal explicou a viabilidade para cada solicitação e anunciou outros benefícios para a comunidade. “Na próxima semana o ônibus do Programa Saúde Móvel estará nesta localidade, prestando atendimentos de saúde a população”, informou.

 

José Ronaldo também falou do seu desejo de construir uma sede própria para o Posto de Saúde da Família no povoado. “Isso depende de uma doação de terreno, e é uma questão que já está sendo devidamente tratada. Assim que for resolvida essa parte, poderemos construir a unidade, que hoje funciona em uma casa alugada”, explicou o prefeito.

 

Também estiveram presentes na reunião os secretários municipais: José Pinheiro (Desenvolvimento Urbano), Roberto Tourinho (Meio Ambiente), Ebenezer Tuy (Transportes e Trânsito); diretores municipais; além dos vereadores Luiz Augusto de Jesus, o Lulinha, e Antônio Carlos Passos Atayde, o Carlito do Peixe.

OUTRAS NOTÍCIAS