Versículo do dia
Bendito o varão que confia no Senhor, e cuja esperança é o Senhor. Porque ele será como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e, no ano de sequidão, não se afadiga nem deixa de dar fruto.

Câmeras de segurança usadas no combate ao mosquito aedes aegypti

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

2112016153115A tecnologia passa a ser usada em Feira de Santana como aliada no combate aos focos do mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus. Por iniciativa da Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev), as câmeras de vídeo-monitoramento passam a vasculhar e identificar os possíveis focos da doença em locais de difícil acesso.

 

Instaladas em locais estratégicos espalhadas pela cidade, as câmeras de vídeo-monitoramento estão sendo utilizadas para realizar a varredura em locais abertos, em quintais, telhados e lajes. E, através delas, são observadas as condições de piscinas e tanques, além de vasilhames e lixo, alertando quando a necessidade de manutenção ou mesmo de fechamento das tampas.

 

A iniciativa, conforme o secretário da Seprev, Mauro Moraes, já vem sendo empregada desde quinta-feira, 07. Até então já foram identificados 17 pontos de foco do mosquito aedes aegypti, tanto em prédios quanto ao ar livre, a exemplo de veículos abandonados ao longo da BR-116 Norte, imediações do bairro Parque Ipê. As imagens são encaminhadas para a Secretaria Municipal de Saúde, que encaminha profissionais aos locais para fiscalização e notificação.

 

Ao todo são 185 câmeras de vídeo-monitoramento que estão sendo utilizadas no serviço, uma idéia sugerida pelo guarda municipal Elmo Rosário e que vem dando bons resultados.

OUTRAS NOTÍCIAS