Versículo do dia
O que encobre o ódio tem lábios falsos, e o que difama é um insensato.

Chuvas na zona rural: benefício, problemas estruturais e intenso trabalho da Prefeitura

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp

Na zona rural, as chuvas favorecem o plantio e o aumento da produção. Entretanto, trazem problemas estruturais nas estradas. Mesmo com o tempo desfavorável, a Prefeitura de Feira de Santana trabalha para melhorar as condições das vias vicinais do município.

Apenas quatro estradas da zona rural são pavimentadas: a que liga o bairro Limoeiro ao distrito de Humildes; a que liga a sede de Maria Quitéria a BR-116, a estrada entre a Matinha e a BR-116 e a que leva ao povoado da Terra Dura, em Humildes.

O serviço é necessário para facilitar o deslocamento dos moradores da zona rural – entre povoados e para a sede municipal, bem como atender as necessidades do escoamento da produção agrícola.

Milhares de estudantes também são transportados para escolas da sede ou de povoados – devido à pandemia do novo coronavírus as aulas estão suspensas na rede municipal.

A correção das estradas, que está sendo feita em algumas frentes, alia o patrolamento, encascalhamento, espalhamento e compactação que as deixam mais resistentes.

Neste ano, mesmo com o grande volume de chuvas, o serviço está sendo facilitado pelo uso de máquinas e equipamentos recentemente comprados pela Prefeitura, como patróis, pás carregadeiras e caçambas.

Em vários pontos é necessário fazer valas laterais por onde são escoadas as águas que se avolumam no meio da estrada. As chuvas dificultam o serviço, que para ser duradouro precisa de piso seco e tempo firme.

Secom

OUTRAS NOTÍCIAS